Just in time

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1829 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
FERRAMENTAS DA QUALIDADE

(JUST IN TIME)





ERICSSON TELECOMUNICAÇÕES S.A





Organização Sistemas & Métodos
Profº Nélson Campos






Palavras Chave: Just in time, Qualidade, Organização, Administração.

















Resumo: O caso da Ericsson Telecomunicações S.A visa mostrar especialmente as melhorias alcançadas na redução doscustos da produção, utilizando para isto de medidores de produtividade e qualidade e, com base nestes resultados, apresentar uma conclusão final.



















( Trabalho apresentado na Grade Curricular do Curso de Administração de Empresas – FABRAI – realizado na unidade Cruzeiro Rua Albita Camargo – B. Hte. – MG. – Brasil, 15 de Junho de 2007.
( Helbert Ribeiro de Oliveira( Administração de Pequenas e Médias Empresas / Logística 4º Período

O estudo de caso na Ericsson Telecomunicações S.A contribui para melhor compreender a implementação e eficácia do sistema JIT. Uma empresa manufatureira que pretendia alcançar e manter a liderança em custo, dentro do contexto atual de globalização da economia - onde o valor (preço) dos bens e serviços édeterminado pelas condições de oferta e procura - deve, continuamente, enfocar a produção com uma visão estratégica, buscando, além da qualidade do produto e prazos de entrega que satisfaçam às necessidades dos clientes, um combate total ao desperdício, procurando eliminar todos os processos e funções que não agreguem valor ao produto. O sistema Just In Time (JIT) bem implementado ajuda a alcançar esteobjetivo.
No caso Ericsson Telecomunicações S.A visa mostrar especialmente as melhorias alcançadas na redução dos custos da produção, utilizando para isto de medidores de produtividade e qualidade e, com base nestes resultados, apresentar uma conclusão final. Relevância do assunto dentro da nova realidade competitiva mundial, uma empresa manufatureira que queira prosperar ou mesmosobreviver, deve procurar ter um conhecimento sempre atualizado da indústria e das forças competitivas que a dirigem e, como conseqüência, elaborar uma estratégia competitiva que necessariamente tenha foco na produção. O potencial da produção como arma competitiva e o conceito de administração da produção como um ativo estratégico não podem mais ser negligenciados pelos administradores.
Osistema Just In Time dá um novo conceito ao custo do processo produtivo. O custo verdadeiro é o custo real, natural, aquele resultante de atividades que agregam valor ao produto. Todos os outros “custos”, oriundos de atividades que não agregam valor ao produto, são na verdade desperdícios. As ferramentas que o sistema JIT utiliza no combate aos desperdícios são eficazes e colaboram na obtenção daliderança em custo.
O sistema Just In Time é uma filosofia de administração da manufatura, surgida no Japão, nos meados da década de 60, tendo a sua idéia básica e seus desenvolvimentos creditados à Toyota Motor Company, por isso também conhecido como o “Sistema Toyota de Produção”. O idealista desse sistema foi o vice-presidente da empresa Taiichi Ohno. Este novo enfoque naadministração da manufatura surgiu de uma visão estratégica, buscando vantagem competitiva através da otimização do processo produtivo.
Os conceitos da filosofia JIT foram extraídos da experiência mundial em manufatura e combinados dentro de uma visão holística do empreendimento. Os principais conceitos são independentes da tecnologia, embora possam ser aplicados diferentemente com os avançostécnicos. O sistema visa administrar a manufatura de forma simples e eficiente, otimizando o uso dos recursos de capital, equipamento e mão-de-obra. O resultado é um sistema de manufatura capaz de atender às exigências de qualidade e entrega de um cliente, ao menor custo.
Existem três idéias básicas sobre as quais se desenvolve o sistema Just In Time. A primeira é a integração e...
tracking img