Julgamento de nuremberg

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (256 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
PENSAMENTO DE SÓCRATES EM RELAÇÃO À PARTE DO FILME.

Citações do filme:
“Apresentarei uma causa propagandística para iniciar a guerra - não importaque seja, ou não, plausível. Depois não se perguntará ao vencedor se ele disse a verdade ou não. No começar e fazer uma guerra, o que conta não é o direitode faze-la, mas a vitória...”
 Hermann Goering:
O grande símbolo da vingança antinazista foi o julgamento de Hermann Goering (1893-1946), militarestrategista e político, responsável por recrutar soldados e trabalhadores, neste último, escravizando-nos, na produção armamentística. Era um dos braçosdireito de Hitler. No julgamento foi o terceiro a entrar no recinto com trinta quilos a menos, devido ao tratamento de seu vício a morfina, ostentando todas assuas medalhas. Sua defesa, do advogado Oto Stahmer, baseou-se a ofensa, como dito acima, ao princípio da legalidade, bem como seu dever de obediênciahierárquica, (alegações repetidas por Keitel: "Defendo-me com a obrigação, comum a qualquer militar, de obediência às ordens dos superiores"; e por Frick:“Cumpri o meu dever de funcionário do Estado. Se me condenam a mim teriam, então, que condenar milhares de outros funcionários").

SOCRATES:
Sócrates ensinaque a ética do coletivo tem primazia em relação a ética do indivíduo mesmo que esta seja mais importante. Segundo ele as leis significam um conjunto depreceitos de obediência incontornável, não obstante podem ser estas justas ou injustas e que com base no juízo moral não se pode obedecer à lei positiva.
tracking img