Joyce e a identidade

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1783 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DO VALE DO SÃO FRANCISCO
COLEGIADO DE PSICOLOGIA
Processos Psicossociais II


ARTIGO
Discussão sobre IDENTIDADE E preconceito à luz de um caso real: o NASCIMENTO DE JOICY E aS RELAÇÕES SOCIAIS

1. INTRODUÇÃO

O texto a seguir se dispõe a analisar a reportagem de Fabiana Moraes publicada no Jornal de Recife, sobre o nascimento, luta e comoção de Joicy Melo daSilva através do viés da Psicologia Social, e de alguns de seus conceitos, enfatizando na identidade, preconceito e a representação social. O caso real de Joyce, nascida João Batista, mostra a batalha para se conseguir o reconhecimento social da sua condição de mulher, além de seus direitos de atuar e responder de tal posição.
O processo de formação de identidade basicamente utiliza-se da ideia depertencimento a um grupo em detrimento de outros. Essa é a característica interessante no caso Joyce: ela responde da posição marginalizada, pois enfrenta exclusão de todos os grupos ao seu redor que não enxergam nela nada que se pareça com a Representação que tem de Mulher ou Transexual.

2. BREVE RESUMO DO CASO

No dia 22 de novembro de 2010 (re)nasceu Joyce Melo da Silva no Hospital DasClinicas em Recife. Nascida João Batista, Joyce passou por 7 anos de preparo para poder realizar a Cirurgia de Redesignação Sexual (CRS), possibilitando a retirada de seu pênis e a criação de uma neovagina, com intuito de criar um canal vaginal com aparência e função sexual de uma vagina biológica.
Proveniente de Alagoinha, Joyce, até então João, foi criada na Caatinga, como agricultor, ondetoda a família ajudava na plantação. A partir a morte do pai, começou a externalizar aquilo que já existia dentro de si: Joyce.
Saindo de casa, Joyce comprou uma casa em Perpétuo Socorro, distrito de Alagoinha e se tornou cabeleireira, porque segundo ela “Adotei essa profissão porque era mais fácil para pessoas do meu tipo” (Joyce APUD Moraes). Foi então que descobriu que poderia retirar o pênis evirar mulher. Começa então a batalha para conseguir a cirurgia.
Para que a cirurgia seja aprovada pelo Sistema Único de Saúde (SUS), é necessário que seja o interessado diagnosticado com Desordem do Transtorno de Identidade. Joyce teve que apelar para o Presidente da Republica, lutar contra o preconceito e ignorância dos funcionários da Secretaria de Saúde e de outras autoridades.
Mas a jornadade sete anos teve outros contratempos e dificuldades: 2 anos para finalmente ocorrer o encaminhamento para o Hospital; ao invés de um ano de terapia aconselhado, passou dois anos, sem de fato terminar a mesmo, como discutiremos a seguir. Sua cirurgia, apesar de sucesso, teve complicações quando as paredes da neovagina colaram novamente, sendo necessária uma nova intervenção.

3. 150 DIAS COMJOYCE – A IDENTIDADE DE MULHER

A jornada de Joyce nasce para que ela possa gozar do status do qual almejava: o status de mulher. Para Joyce, tal status só seria alcançado depois da cirurgia, quando seu corpo seria então parecido com o de uma mulher biológica. Sua noção de identidade é de pertencente ao grupo das nascidas mulheres, mesmo que seu corpo tenha nascido com outra configuração. Então,a cirurgia, erroneamente classificada como tratamento à uma patologia, vêm para corrigir tal situação. Mas para a sociedade, há muito mais envolvido do que o seu sexo: a sua fisionomia.
Moraes traz no inicio da reportagem o contraste entre Joyce e as outras transexuais na fila de espera: Joyce não possui cabelos longos, seios e nádegas volumosas, roupas femininas e sensuais. Mas sim um jeitoclaro masculino, afora suas unhas rosa-pitanga. Os papeis sociais – comportamentos que os outros esperam ver em função dos nossos deveres perante outros – estão em desalinho: ela não representa o papel da mulher que a sociedade espera, sensual, cheirosa, mimosa, mas apresenta um comportamento mais grosso, sem traços femininos.
Entra aqui o estereótipo, o recorte da realidade que organiza as...
tracking img