Jornalismo e terceiro setor

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 22 (5296 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 14 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE PAULISTA - UNIP

PROJETO INTEGRADO DE COMUNICAÇÃO
JORNALISMO E TERCEIRO SETOR

Rose N. Gomes de Jesus B16949-4

São Paulo
2011


Rose N. Gomes de Jesus B16949-4


PROJETO INTEGRADO DE COMUNICAÇÃO
JORNALISMO E TERCEIRO SETOR

Projeto Integrado de Comunicação sobreJornalismo e Terceiro Setor, referente ao
curso de Jornalismo - 1º semestre.
Universidade Paulista – UNIP.



São Paulo
2011

SUMÁRIO

INTRODUÇÂO..........................................................................................04
OBJETIVO .................................................................................................05
ENTENDENDO O TERCEIRO SETOR ....................................................06
O JORNALISMO PÚBLICO .....................................................................08
A COMUNICAÇÃO COMUNITÁRIA .......................................................09O JORNALISMO E O TERCEIRO SETOR ..............................................11
A IMPORTÂNCIA DO JORNALISMO NO TERCEIRO SETOR .............16
O JORNALISMO E A RESPONSABILIDADE SOCIAL .........................19
O PAPEL DA IMPRENSA .........................................................................20
O PAPEL DOS JORNALISTAS...............................................................22
CONCLUSÃO ..........................................................................................23
BIBLIOGRAFIA .......................................................................................24

INTRODUÇÃO

Acompanharemos neste relatório o trabalho feito pelo jornalismo no Terceiro Setor e o que está sendo feito para ampliar o campo jornalístico nesta área, e a práticafeita pelo veículo fora do campo da mídia, a chamada Comunicação Comunitária. O conceito de se fazer jornalismo com responsabilidade social está cada vez mais ligado ao dia a dia dos profissionais da área.
A imprensa é o resultado de avanço e desenvolvimentos tecnológico de comunicação e também da necessidade de autoconhecimento humano. O jornalista se tornou a força expressiva do homem, promovendoa divulgação do saber e a socialização da informação, sendo o espaço reflexivo da pratica da cidadania e de direitos humanos. O jornalismo tem como função noticiar as conquistas relacionadas com o avanço da sociedade, e os jornais devem apresentar várias vozes sociais sobre o tema discutido, construindo um verdadeiro debate no espaço publico. Há jornalista que costuma bordar assunto que contribuampara discursão de temas que enfoquem o interesse dos setores menos favorecidos da sociedade, mesmo apesar deste tema não ser tão abordado no meio de comunicação.
O jornalismo social no Brasil se desenvolveu de maneira lenta, na década de 80 a sociedade civil passou a ter maior participação em assuntos antes ligados ao governo. Assim, o Terceiro Setor ganhou forças, e os números de ONGS passou acrescer. A imprensa então se tornou mais receptiva às reportagens envolvendo questões sociais.
Com o pouco espaço que ainda a imprensa social tem, alguns jornalistas vêm atuando em mídias chamadas alternativas, como sites e blogs. Essas mudanças acabam por influenciar executivos de diversos setores como bancos, indústrias e instituições de ensino, que criam cursos para incentivar a cidadania e aresponsabilidade social.

OBJETIVO

A imprensa tem objetivo de informar e também de atuar ainda em diversas funções como entretenimento e a interação social. Os meios de comunicação, como espaço de circulação da informação, podem exercer um papel que vai além de apenas relatar fatos e acontecimentos.
Os adeptos do jornalismo público propõem instaurar nas redações e principalmente nos...
tracking img