Jogos escoteiros

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 280 (69911 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
õ¿õ LECÃO

320 JOGOS ESCOTEIROS

Õ¿Õ LECÃO
LECÃO

GUIA DE JOGOS ESCOTEIROS - 0

õ¿õ LECÃO

Õ¿Õ LECÃO
LECÃO
ALEXANDRE FEJES
ALEXANDRE FEJES

Jogos Escoteiros

COLEÇÃO DE JOGOS ESCOTEIROS - 1

320 Jogos Escoteiros

LECÃO
Õ¿Õ LECÃO
LECÃO

Jogos Escoteiros

ALDO CHIORATTO

Centro de Difusão do Conhecimento Escoteiro
9º Distrito Escoteiro – Lapa (SP)
União dosEscoteiros do Brasil
! aldochioratto@gmail.com

É PERMITIDA A REPRODUÇÃO E DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA.
TIRE CÓPIAS, PARCIAL OU TOTAL, NA SUA IMPRESSORA.

Se você tiver críticas, sugestões ou desejar colaborar no enriquecimento deste trabalho envie e-mail para:
lecaotabapua@gmail.com
1ª Edição 19.05.2005 – Exemplar Revisto & Impresso 18.6.08

õ¿õ Lecão

Centro de Difusão do Conhecimento EscoteiroAldo Chioratto

2

320 Jogos Escoteiros

JOGOS ESCOTEIROS
JOGOS ESCOTEIROS
A importância atribuída aos jogos pelos
Ingleses data de séculos. Inúmeros
jogos, hoje difundidos em todos os
países do mundo, são originários da GrãBretanha.
Sempre
fizerem
parte
integrante da vida do povo inglês.
Deve-se a John Strachan, escotista
da Universidade de Edimburgo, o
primeiro trabalho sobreo valor biológico
do jogo e a Spencer, uma das
contribuições mais valiosas sobre a posição do jogo no programa de educação
física infantil.
Para Spencer (1820-1903) a ginástica é um sistema de exercícios factícios.
Embora sempre melhor que a ausência de exercício, jamais será um substituto de
valor igual aos jogos. Os jogos produzem uma excitação mental agradável e
exercem uma influênciaaltamente fortificante. A felicidade assim obtida é o
melhor dos tônicos.
Na Alemanha Guts Muths (1759-1839) realizou grande obra consagrando seu
nome como “avô da educação física alemã”. O valor educativo dos jogos lhe
mereceu atenção especial e uma das suas obras dedicada a realçar o valor dos
jogos como exercício e recreação do corpo e do espírito é a primeira obra
fundamental do gêneroescrita por um escotista de educação física.
Mas ninguém exerceu uma influência tão surpreendente, não só na Alemanha como
em todo o mundo como Groos, psicólogo a quem se deve a elaboração de uma
filosofia do jogo, exposta em suas obras básicas, considerou o jogo sob tríplice
aspecto do exercício preparatório, da atividade complementar e da recreação, não
deixando de acentuar que a descargaaliviante dos impulsos (catarse) deve ser
também considerada no estudo teológico do jogo.
Na França foi elaborado e publicado pelo Ministério da Guerra o “Regulamento
Geral de Educação Física” dividido em três partes: a primeira bases fisiológicas e
pedagógicas, a segunda do treinamento esportivo e a terceira da educação física.
Partindo do princípio de que o jogo não pode constituir um métodocompleto de

õ¿õ Lecão

Centro de Difusão do Conhecimento Escoteiro Aldo Chioratto

3

320 Jogos Escoteiros

educação física, o texto original reconhece que o jogo é a regulamentação mais ou
menos metódica de movimentos instintivos que todo ser vivo é levado a realizar
espontaneamente ao sentir a necessidade de exercício. Afirma, outrossim, que o
jogo constitui a forma de ginásticamais apropriada para a infância porque se
adapta às aptidões físicas da criança como às suas exigências morais. É ao mesmo
tempo, higiênico e recreativo.
Do ponto de vista físico não exige esforços muito intensos nem contrações
musculares excessivamente localizadas. A sua prática é acompanhada sempre de
prazer e este constitui para a criança o mais notável excitante da energia vital e o
maisativo estimulante para fazê-lo perseverar no exercício físico.
O extremo interesse que as crianças demonstram pelos jogos e a alegria com
que eles se entregam são tão importantes quanto os exercícios que os
acompanham.
PORQUE AS CRIANÇAS JOGAM
A criança joga para satisfazer um instinto. Desde a mais tenra idade vemos
que além das atividades de comer, beber e dormir, imprescindíveis para o...
tracking img