Joao

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (366 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 17 de outubro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE PAULISTA – UNIP

ICH- CURSO DE PSICOLOGIA / CAMPUS PARAISO

Atividade complementar

Nome: Priscila Buccini Silva

RA: A517IG-4  Semestre/Período: 4º semestre/Matutino 

Visto do monitor:   Data:

Título da atividade: Leitura Livro Data da realização: 15/9/2011.Título do Artigo: Natascha Kampusch 3096 Dias.

 

Síntese/Argumentação

O Livro conta a história de Natascha Kumpusch que foi seqüestrada e mantida em cativeiro por oito anos.Quando Natascha tinha 10 anos, em 2 de março de 1998, ela foi sequestrada enquanto estava indo para a escola e só conseguiu fugir em 23 de agosto de 2006.

O sequestrador foi a únicapessoa com quem ela conviveu durante 3096 dias. Era quem a alimentava, dava presentes e livros, mas também era quem a maltratava fisicamente e psicologicamente.

Argumentação baseada emfundamentos teóricos

Natascha acabou se afeiçoando ao seu sequestrador por que era o único contato que ela pôde ter durante oito anos, quando somos crianças aprendemos a ser amados geralmente pornossos pais, para que depois com o tempo possamos ter afeto pelos outros estabelecendo relações sociais (Yano, 16/9/2011 sala de aula).

Por este motivo natascha mantinha um bom relacionamento comseu sequestrador para se esquivar de mais agressões, ela sofreu muitos abusos físicos, era constantemente agredida e ameaçada caso tentasse fugir, por esse motivo ela se comportava de maneiraadequada e respeitosa, para não sofrer mais punições, estímulos que se tornaram aversivos para ela, como não conseguirá fugir dessas continuas agressões e já sabia como seria as consequencias caso nãoobedecesse, se prevenia se esquivando para poder ter um “bom convívio”.

Para uma analise comportamental é necessário que o psicólogo avalie o contexto, o estimulo que antecede, ou seja, o passado...
tracking img