Jelios

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2375 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
ESCOLA SECUNDÁRIA/3 DRª LAURA AYRES

Física e Química A – 11.º Ano
Componente de Física – Unidade 1

Relatório


















Realizado por:
Débora Varela Nº12Iris Sousa Nº 18
Rafael Amador Nº25
Tatiana Varela Nº28











































Objectivos

Os objectivos da realização desta Actividade Laboratorial são a análise dascaracterísticas do movimento de dois corpos de massas diferentes em queda livre e a determinação da gravidade (g), através de dois tipos de métodos diferentes.





































Introdução teórica

Qualquer corpo situado no interior do campo gravítico terrestre encontra-se submetido à acção da força dagravidade.
A gravidade é uma força constante, vertical dirigida para o centro da Terra.
A força gravítica provoca sempre a aceleração g, aumentando o módulo das velocidades na descida e diminuindo – o na subida.
Chama-se queda livre ao movimento de um corpo em direcção á terra apenas sujeito à atracção gravitacional.
Todos os corpos, independentemente do seu peso, forma ou tamanho e sempreque a resistência do ar seja desprezável, caem com a mesma aceleração da gravidade e chegam simultaneamente se forem largados ao mesmo tempo a partir da mesma altura.
Como a força gravítica é constante, produz uma aceleração constante, e portanto, todos os corpos caem em direcção à Terra com um movimento rectilíneo uniformemente acelerado, se não houver outras forças que influenciem o movimento.* Lei das velocidades

Considere-se que um corpo no instante inicial t0=0 s segue com velocidade v0 e que no instante t tem velocidade v então, atendendo a que a aceleração é constante, pode-se obter uma expressão que mostra que a velocidade é função linear do tempo:

v=v0+at
Esta expressão corresponde à expressão da lei das velocidades do movimento uniformemente variado:

Arepresentação gráfica da velocidade em função do tempo corresponde a um segmento de recta cujo declive representa a aceleração, a, e a intersecção do segmento de recta com o eixo das ordenadas, a v0.

* Lei das posições

Suponha-se que o corpo, considerado como partícula material, se encontrava inicialmente (t0=0 s) na posição y0 seguindo com velocidade v0 e que no instante t está na posiçãode abcissa y. Neste intervalo de tempo, a resultante das forças que actuam no corpo mantém-se constante (a aceleração é constante).

Atendendo que
Assim, obtém-se

Esta expressão corresponde à expressão da lei das posições do movimento uniformemente variado:

y=y0+v0t+12gt2





* Lei das acelerações

Como no movimento rectilíneo uniformemente variado a aceleração éconstante, a expressão da lei das acelerações é a seguinte:

* Cálculo da velocidade média
vm=∆x∆t=xf-xitf-ti
A velocidade média expressa-se em m s-1 ou m/s, sendo calculada através da seguinte fórmula:

* Aceleração da gravidade
A aceleração média expressa-se em m s-1 ou m/s2 , sendo esta calculada através do declive da recta do gráfico de velocidade em função do tempo ou através daseguinte fórmula:
am=∆v∆t=vf-vitf-ti




Fundamento do método

Para realizarmos esta actividade utilizámos o marcador electromagnético que funcionou com a frequência de 100 Hz, por isso o intervalo de tempo entre duas marcas consecutivas na fita era de 0,01 segundos.

Para determinar o valor da gravidade utilizámos dois métodos:
Método 1- através da comparação da...
tracking img