Jeitinho brasileiro

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1116 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 29 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O jeitinho brasileiro:
Você sabe com quem está falando?

O Brasil, é o país tipicamente conhecido, como a terra do jeitinho, pois isso nos caracteriza, como diferente de alguns outros países. Enquanto, que nos países de primeiro mundo, a regra, se impõe a exceção, no Brasil, ocorre a inversão, onde as ‘exceções’, são colocadas em plano acima da regra, daí vem o jeitinho brasileiro, quesegundo Lívia Barbosa, seria a arte de ser mais igual que os outros.
Na verdade, o jeitinho, é sempre uma forma especial de resolver alguns imprevistos, e onde o beneficiado, por ventura, usa de algum método, para convencer quem irá beneficiá-lo, de que sua condição, exige esse jeitinho. Em tese, o jeitinho brasileiro, acaba sendo uma troca de favores, onde essa forma especial de ser resolvida,resulta da boa vontade de algum individuo, e em quase todas as ocasiões, acabam burlando, alguma norma. A “boa vontade” é fundamental, pois não implica que seja obrigatório estar realizando aquela tarefa, uma vez que, se o procedimento comum, fosse por esta via, deixaria de ser o jeitinho brasileiro.
É difícil afirmar, quando exatamente tal favor, deixa de ser um jeitinho e passa a ser corrupção,mas de fato não é complicado dizer que o jeitinho em demasia, leva a corrupção. Dentro desse parâmetro, Barbosa (1992), vai dividir essa prática em três categorias, que seriam os estágios do jeitinho. O favor, que é algo positivo, o jeito que dependendo da situação pode ser negativo ou positivo, e a corrupção, que é de modo óbvio negativo. E o que pode caracterizar a transição entre um e o outro, éo contexto no qual a ação é praticada e quais pessoas estão envolvidas.
O brasileiro, que durante muito tempo, recebeu carinhosamente, codinomes como: hospitaleiro, amáveis, imprime isto de forma clara no jeitinho, pois há uma cumplicidade e reciprocidade, nas pessoas que são habituadas a prática do jeitinho brasileiro. Quem vai pedir o favor a alguma pessoa, certamente espera que o outro oajude e ceda, aquela situação, fazendo com que acaso ouçam não, de alguma pessoa, ou qualquer sinal negativo, as fazem ficarem “chateadas” com determinados pessoas, o rotulando de grosseiro, mal-educado, e diversas outras alcunhas.
A burocracia domina os segmentos sociais de nossa cidade, o que nos remete sempre, a buscar alguma saída ou soluções mais rápidas, para se resolver determinadoassunto. Se de um lado, existe a burocracia do estado, os cidadãos, por outro lado, estão prontos para burlar a lei, para “furar a fila”, pois acaba se tornando regra fazer isso. E claramente, o jeitinho segue de setor a setor, e vai de forma tímida, ajudando a vida dos indivíduos a discorrer de forma mais fácil. Geralmente, esses favorzinhos têm técnicas infalíveis, que podem ajudar a sustentar aligação entre beneficiado e quem vai beneficiar. De modo geral, o sexo oposto acaba-se tornando um prato cheio para a consumação do jeitinho. É claro, que não basta apenas ser do sexo oposto, mas sim agir com naturalidade, simpatia e cordialidade. Para Lívia Barbosa, ela acredita também que possa haver cumplicidade entre as pessoas do mesmo sexo, mas sem dúvidas, as relações homem-mulher acaba tornandotudo mais fácil.
Em um país que se diz emergente, com algum por cento de pessoas de alta formação intelectual, faz falta ainda o exercício das noções de pessoa e individuo. De acordo com DaMatta o individuo, faz as regras do mundo onde vive, e a pessoa, recebe as regras do mundo onde vive. No entanto, ainda são poucos, que fazem a separação clara entre indivíduo e pessoa.
A expressão ‘Você sabecom quem está falando?’, coloca em xeque, estes estudos etnográficos, da separação do pessoal do impessoal. Essa expressão vem reforçar a importância, da hierarquização e individualismo, dos cidadãos de nossa sociedade. Em nosso país, para se escapar da burocracia, existe o jeitinho, para fugir de situações vexatórias, utiliza-se o ‘Você sabe com quem está falando’, enfim existe o jeito para...
tracking img