Jardineiro fiel

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1757 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O JARDINEIRO FIEL
Este filme vem nos mostrar a falta de ética dos laborátorios que testavam medicamentos nas pessoas da África sem nenhum esclarecimento a população e praticamente os forçavam a essas experiências, pois se eles não aceitassem ficavam fora da lista para receber medicamentos grátis. Sinceramente uma completa falta de humanidade para com essas pessoas que morriam por conta dessestestes e eram enterrados como animais , eram pessoas humildes e por isso os donos desses medicamentos os usavam como se fossem animais de testes que tinham que aceitar tomar o medicamento sem nenhum esclarecimento.
Para que seja feita pesquisa com seres humanos foi criado em 14 de janeiro de 1987 a seguinte resolução: A Resolução 196/96, do Conselho Nacional da Saúde, estabelece as Diretrizes eNormas Regulamentadoras de Pesquisas envolvendo Seres Humanos. Todos os Comitês de Ética e Bioética em pesquisa com seres humanos orientam suas ações fundamentadas nesta Resolução.

De acordo com resolução CNS 196/96 diretrizes e normas de pesquisa envolvendo seres humanos ,os termos e definições a pesquisa com seres humanos precisam ter como por exemplo: II.1- Pesquisa - classe de atividades cujoobjetivo é desenvolver ou contribuir para o conhecimento generalizável. O conhecimento generalizável consiste em teorias, relações ou princípios ou no acúmulo de informações sobre as quais estão baseados, que possam ser corroborados por métodos científicos aceitos de observação e inferência.E também precisa : II.2 - Pesquisa envolvendo seres humanos - pesquisa que, individual ou coletivamente,envolva o ser humano de forma direta ou indireta, em sua totalidade ou partes dele, incluindo o manejo de informações ou materiais, ou seja, lá na África aquelas pessoas não tinham informações sobre a pesquisa que estava sendo realizadas com eles,foi uma pesquisa sem ética ,pois eram para o próprio interesse dos laborátorios envolvidos pois de acordo com a resolução 196/96 o responsável pelapesquisa precisa:II.4 - Pesquisador responsável - pessoa responsável pela coordenação e realização da pesquisa e pela integridade e bem-estar dos sujeitos da pesquisa o que não acontecia com aquelas pessoas,que para eles não passavam de descartáveis. Eles infrigiram a ética ao não se importar com os danos que seriam causados : II.8 - Risco da pesquisa - possibilidade de danos à dimensão física,psíquica, moral, intelectual, social, cultural ou espiritual do ser humano, em qualquer fase de uma pesquisa e dela decorrente. II.9 - Dano associado ou decorrente da pesquisa - agravo imediato ou tardio, ao indivíduo ou à coletividade, com nexo causal comprovado, direto ou indireto, decorrente do estudo científico.
Ao não ser esclarecido para o que servia o medicamento que eles tomavam e nem consentidopelos sujeitos da pesquisa os pesquisadores também desrespeitam a seguinte definição: II.11- Consentimento livre e esclarecido - anuência do sujeito da pesquisa e/ou de seu representante legal, livre de vícios (simulação, fraude ou erro ), dependência, subordinação ou intimidação, após explicação completa e pormenorizada sobre a natureza da pesquisa, seus objetivos, métodos, benefícios previsto,potenciais riscos e o incômodo que esta possa acarretar, formulada em um termo de consentimento, autorizando sua participação voluntária na pesquisa.
Em relação aos aspectos éticos da pesquisa envolvendo seres humanos, eles não atendem as exigências éticas e cientificas fundamentais uma vez que os sujeitos ou as pessoas da África que foi submetido a tal falta de humanidade e com se fossem lixo ,esses pesquisadores falham ao não cumprimento das seguintes éticas: a) consentimento livre e esclarecido dos indivíduos-alvo e a proteção a grupos vulneráveis e aos legalmente incapazes ( autonomia). Neste sentido, a pesquisa envolvendo seres humanos deverá sempre tratá-lo em sua dignidade, respeitá-lo em sua autonomia e defendê-lo em sua vulnerabilidade; b) ponderação entre riscos e benefícios,...
tracking img