Jane eyre

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 282 (70378 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
UNIVERSIDADE FEDERAL DA PARAÍBA CENTRO DE CIÊNCIAS HUMANAS, LETRAS E ARTES PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRAS

Jane Eyre: drama e tragédia no romance de Charlotte Brontë

Danielle Dayse Marques de Lima

João Pessoa, PB Novembro / 2008

Danielle Dayse Marques de Lima

Jane Eyre: drama e tragédia no romance de Charlotte Brontë
Dissertação de mestrado apresentada ao Programa dePós-Graduação em Letras da Universidade Federal da Paraíba como requisito parcial para a obtenção do título de Mestre em Letras. Área de Concentração: Literatura e Cultura. Linha de Pesquisa: Tradição e Modernidade.

Orientadora: Profª. Drª. Sandra Luna

João Pessoa, PB Novembro / 2008
2

BANCA EXAMINADORA

__________________________________________________ PROFª. DRª. SANDRA LUNA Professoraorientadora UFPB

__________________________________________________ PROFª. DRª. MARLI HAZIN 1ª Examinadora UFPE

___________________________________________________ PROF. DR. MICHAEL SMITH 2º Examinador UFPB

___________________________________________________ PROF. DR. LUÍS ANTÔNIO MOUSINHO Suplente UFPB

João Pessoa, 28 de novembro de 2008
3

RESUMO

Jane Eyre, romance de CharlotteBrontë publicado em 1847, é sua composição mais importante e uma obra que ocupa posição de destaque no Romantismo inglês. Apesar de ser um extenso romance, grande parte da narrativa de Jane Eyre aproxima-se do drama, pois o leitor vê-se diante de uma protagonista que muda o rumo dos acontecimentos a partir de sua ação, conduzindo, assim, o eixo dramático da narrativa. O trágico também acompanha todoo romance e toda a trajetória da personagem principal. O confronto com as perdas, a intervenção do destino, as escolhas morais, o prenúncio do inescapavelmente trágico e, ainda, as constantes citações de tragédias shakespeareanas, compõem o cenário trágico em Jane Eyre. Por possuir fortes elementos dramáticos e trágicos na constituição de sua narrativa, podemos identificar nesta vários conceitospertencentes à teoria do drama, incluindo entre estes os conceitos aristotélicos da Poética, bem como conceitos da teoria do drama moderno. A leitura de Jane Eyre sob uma perspectiva dramática e trágica, além de evidenciar a complexidade deste romance, também comprova a mistura de gêneros nas obras literárias e a presença do antigo (drama) no novo (romance), propiciando desta maneira uma leituradiferente, estética e estilisticamente mais rica dessa obra.

Palavras-chaves: Jane Eyre – drama – tragédia – romance – Charlotte Brontë Romantismo.

4

ABSTRACT

Jane Eyre, a novel by Charlotte Brontë published in 1847, is her most important composition, and a work which occupies a very prominent position in English Romanticism. Although it is an extensive novel, the greater part of thenarrative in Jane Eyre comes close to drama, as the reader is before a protagonist who changes the direction of the events due to her action, conducting, in this way, the dramatic course of the narrative. A tragic atmosphere also permeates the whole novel and the protagonist’s whole trajectory. The confrontation with losses, the intervention of destiny, the moral choices, the prediction of what isinevitably tragic, as well as the constant Shakespearean quotations, make up the tragic scenery in Jane Eyre. As it presents strong dramatic and tragic features in its constitution, we can identify many concepts belonging to the theory of drama in this narrative, including concepts formulated in Aristotle’s Poetics as well as concepts from the theory of modern drama. The reading of Jane Eyre undera dramatic and tragic perspective does not only evidence the complexity of this novel, but also confirms the confluence of genres in literary works and the presence of the old (drama) in the new (novel), thus providing a different reading, aesthetically and stylistically richer, of this work.

Key words: Jane Eyre – drama – tragedy – novel – Charlotte Brontë - Romanticism.

5

A Israel...
tracking img