Jaborandir

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1023 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 31 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Faculdades Integradas da Vitória de Santo Antão

FARMACOGNOSIA





Vitória de santo Antão 4 de outubro de 2012

Faculdades Integrada da vitória de Santo Antão

Aluno: Jefferson Filiphe Lorena, Vagner França , Josemir Nascimento, Inaldo Ferreira, Túlio Lira. Márcio Taciano.

Professora : Magaly andreza
Disciplina: farmacognosia
Curso: Farmácia 5º Períodojaborandi

INTRODUÇÃO

Pilocarpina é um alcalóide extraído das folhas da planta jaborandi (Pilocarpus pennatifolius), uma espécie vegetal disponível somente no Brasil. O jaborandi é conhecido há vários séculos pelos índios tupi-guarani que a chamavam de yaborã-di (planta que faz babar) e indicada sempre que se queira aumentar a produção desuor.

O jaborandi é um arbusto de sub bosque,pertencente à família das Rutáceas e gênero Pilocarpus, encontrado, atualmente, nos Estados do Maranhão, Pará, Piauí e Bahia. (MERCK, 1997).Trata-se de uma planta nativa de região de clima quente e úmido, de porte arbustivo verdejante e bastante ramificada, apresenta um bom crescimento vegetativo em chapadões arenosos, podendo também serencontrado em terrenos argilosos de baixa fertilidade e cobertos por vegetação .
Família: Rutácea
Parte usada: Folhas ou folíolos. altura média de 2 m, com folhas compostas medindo, em média de 40 cm.
Propriedades terapêuticas: Sudorífero, diurético, promovedor de saliva, revitalizante capilar. tratamento do glaucoma.
Princípios ativos Alcalóides: pilocarpina (majoritariamente), pilocarpidina,isopilocarpidina, fisostigmina, pilosina, isopilosina, epiisopilosina. Óleos essenciais: limoneno, beta-cariofileno.
Indicações terapêuticas Afecções bronqueais, reumatismo, glaucoma.
Espécies
Pilocarpus jaborandi Hulmes
Pilocarpus officinalis Pohl
Pilocarpus pinnatifolius Lem.
É uma das plantas medicinais nativas mais requeridas pela indústria farmacêutica, durante as últimas três décadas, umadas espécies comerciais mais importantes da flora nativa brasileira pelo fato de produzir a pilocarpina, alcalóide utilizado na formulação de colírio para o tratamento do glaucoma. Piauí tem o melhor desempenho nacional em exportação, Pilocarpina (faturamento de US$ 2.224.360). Segundo o economista Manuel Moedas, da Fundação Cepro, Piauí apresentaram no primeiro semestre de 2012.
Estealcalóide provoca a redução da pressão do globo ocular, sendo empregado, na forma de colírio, no tratamento do glaucoma. Sua ação se dá pela ativação de receptores colinérgicos muscarínicos presentes na íris, levando a uma redução do volume do humor aquoso e, conseqüentemente, a uma queda na pressão ocular. Também pode ser empregado em portadores de xerostomia, uma condição em que a boca se mantémseca, já que é capaz de ativar as glândulas salivares. O jaborandi também é empregado na formulação de xampus anticaspa e revitalizantes capilares, O Extrato Glicólico de Jaborandi é estimulante celular; ativador da produção de secreção; restaurador de tecidos e tônico capilar. Estimula o couro cabeludo, melhora o brilho e trata a queda do cabelo. Poderá ser incorporado em cremes, loções cremosas,hidroalcoólicas, loções de limpeza, géis, shampoos, condicionadores outros produtos cosméticos.

O método de extração de pilocarpina consiste nas seguintes etapas: (1) separação das folhas de jaborandi; (2) cominuição das folhas; (3) lixiviação com álcool etílico acidulado ou clorofórmio; (4) purificação da solução obtida por filtrações, diluições com álcool e evaporações sucessivas; (5)alcalinização do extrato obtido; (6) sucessivas extrações com clorofórmio; (7) concentração e acidificação do extrato clorofórmico com adição de álcool aquecido e, (8) cristalização.

A pilocarpìna é um agonista * colinérgico, de ação predominante muscarínica mas não nicotínica. Aplicada localmente ao olho provoca constrição pupilar, espasmo da acomodação do cristalino e um aumento...
tracking img