Internet na vida escolar

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3257 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 21 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Internet na Pesquisa Escolar




A Internet na Pesquisa Escolar

Trabalho apresentado ao professor Omar Ronie Porto da disciplina de informática – A Internet na Pesquisa Escolar, do curso de Magistério, como requisito parcial para obtenção da média bimestral.

Escola Estadual Cônego José Eugênio de Faria
Cachoeira de Minas MG
SETEMBRO 2011

SUMÁRIO

SUMÁRIO 3
Introdução 41 A pesquisa escolar como método de aprendizagem 5
2 Objetivo 7
3 Metodologia 7
4 Apresentação e análise dos resultados 8
4.1 Onde os alunos navegam na internet 8
4.2 Como os alunos ficam sabendo dos endereços dos sites que 8
mais visitam 8
4.3 Ajuda na utilização da rede 9
4.4 Finalidade de utilização da rede 10
4.5 Sites visitados 11
4.6 Qualidades e problemas da rede 124.7 Internet e trabalhos escolares 13
4.8 Como os alunos avaliam as informações 14
5 Conclusão 16
6 Referências bibliográficas 18

| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |
| | |

A INTERNET NA PESQUISA ESCOLAR: UM PANORAMA DO USO
DA WEB POR ALUNOS DO ENSINO MÉDIO
Bernadete SantosCampello, CRB-6/2551
Paulo da Terra Caldeira, CRB-6/1672
Márcia Milton Vianna, CRB-6/4073
Maria da Conceição Carvalho, CRB-12/994
Vera Lúcia Furst G. Abreu, CRB-6/5445
Simone Alves Diamantino6
Carlos Henrique de Magalhães7

Introdução
Apresenta um panorama do uso da internet por alunos do ensino
médio. Os participantes da pesquisa usam a rede no ambiente doméstico,
demonstrandobastante independência e visão crítica. Escola e biblioteca, bem
como professores e bibliotecários, não têm participação efetiva no processo, embora
se conclua que há espaço para mediação nos aspectos de seleção e organização da
informação, onde o bibliotecário pode dar contribuição significativa.

1 A pesquisa escolar como método de aprendizagem
Educadores de todos os tempos têm sepreocupado em entender
como o jovem aprende para, a partir daí, criar ou possibilitar a criação
de métodos de ensino apropriados. No início do século XX, o filósofo –
educador John Dewey descreveu o processo construtivo no qual o
indivíduo aprende através da ação. Opondo-se à idéia de uma cultura
estática, pronta e acabada, a ser vinculada na mente dos alunos,
Dewey via a escola como lugar dequestionamento e reconstrução,
inserida numa sociedade em permanente mudança.
Suas idéias influenciaram enormente no Brasil a Didática da Escola
Nova que, na década de 30, considerava o ensino como um processo
de pesquisa, de atividade em torno de um problema. Segundo a
compreensão escolanovista, os assuntos que merecem ser tratados
pela escola são problemas significativos que devem serinvestigados
pelo próprio aluno, a partir de suas dúvidas e indagações.
A psicologia genética veio aprofundar a compreensão sobre o
processo de desenvolvimento na construção do conhecimento,
desvelando os mecanismo pelos quais os jovens constroem
representações internas de conhecimentos construídos socialmente.
É, pois, sob a influencia desses modos de pensar que a pesquisaescolar é introduzida na prática educacional brasileira a partir dos anos
60, ao lado de outras técnicas, métodos e procedimentos considerados
ativos, em oposição ao tipo de ensino centrado no professor e na
transmissão, sem questionamento do seu conhecimento, dito “legítimo” .
No momento atual, os Parâmetros Curriculares Nacionais enfatizam
a participação construtiva do aluno naaprendizagem, dentro de um
processo de reorganização do conhecimento, enfatizando a
experimentação, a pesquisa em grupo, o estímulo à dúvida e o
desenvolvimento do raciocínio. Desta perspectiva, aprender a aprender
deverá ser uma habilidade fundamental dos indivíduos que crescem
numa sociedade em acelerada transformação, não só no que se refere
ao arsenal tecnológico disponível como também...
tracking img