Instrumentação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2207 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO


RESUMO 02

INTRODUÇÃO 03

ACELERAÇÃO E VELOCIDADE 04

ACOPLADOR ÓPTICO 04

ENCODERS 05

ACELERÔMETRO DE DESLOCAMENTO 06

ACELERÔMETRO DE DEFORMAÇÃO 07

DÍNAMO TAQUÍMETRO 08

ALTERNADOR TAQUÍMETRO 09

ACELERÔMETRO BALANÇA DE FORÇA 10

CONCLUSÃO 11

BIBLIOGRAFIA 12





























RESUMOEste atps irá ilustrar como os sensores de velocidade e aceleração interagem nos meios em que vivemos, sejam eles indústrias, residências, ambientalmente, etc.


Iremos dar alguns exemplos de como alguns sensores funcionam, e como são formados em sua estrutura.




















































INTRODUÇÃOSensores de velocidade e aceleração são muito usados em indústrias, para medir velocidade, desempenho e estabilidade de maquinas em geral. Falaremos de sensores ópticos que são usados para medir velocidade assim como o próprio encolder. Acelerômetro de deslocamento que fornece uma variação na sua tensão de saída de acordo com a sua variação, já os acelerômetros de deformação sãotransdutores que convertem a aceleração em uma variação de resistência devido a deformação de um strain gage num dos braços de uma ponte de wheatstone. O dínamo taquímetro é baseado em um motor de correntes continua com escovas que funcionam como um gerador por meio de um imã é obtido um campo magnético permanente que cujos pólos encontram se dispostos nas faces. No alternadotaquímetro, encontramos a bobina piloto que consiste de um imã permanente, acoplado diretamente ao eixo do motor no qual se quer medir a rotação, imerso em uma ou mais bobinas.












ACELERAÇÃO E VELOCIDADE


Podemos perceber que logo a aceleração interfere diretamente na velocidade, e a velocidade depende diretamente da aceleração e desaceleração. Velocidade é a variação do espaçopelo tempo.
Aceleração é a variação da velocidade pelo tempo. Exemplo de velocidade: Um carro passa pelo km 20 quando o relógio marca 2h e passa pelo km 40 em 4h. Então a Velocidade do carro é 40 - 20 / 4- 2 = 10 km/H
Exemplo de aceleração: Um carro passa pelo começo de uma avenida de com uma velocidade de 10 km/H ás 5h e passa pelo final da avenida com uma velocidade de 30 km/H ás 6H. Então aAceleração do carro é 30 - 10 / 6 - 5 = 20 km/H².

ACOPLADOR ÓPTICO


 Um acoplador ótico é um dispositivo eletrônico que tem, em um lado, um diodo emissor de luz, e do outro, um transistor cuja base é sensível à luz, ou, um foto transistor. Estes dois elementos estão confinados e encapsulados em um "chip" eletrônico, mas, separados galvanicamente, o que quer dizer, que ambos oselementos não possuem contato elétrico direto, fazendo a transmissão de sinais eletrônicos através da luz.








Aplicando uma tensão nos pinos do LED, este acende e a luz polariza a base do fototransístor interno. Desta forma, o fototransístor conduz e faz a corrente circular por outro circuito isolado eletricamente. Estes componentes são usados como sensores em alarmes, aparelhosde som, videocassetes, eletrônico industrial e em fontes chaveadas são usados para ajudar a regular as tensões de saída (+B). Existem vários tipos de fotoacopladores, alguns com dois LEDs e dois fototransístores (duplo), outros ainda mais complexos, contendo muitos componentes no interior do CI. Abaixo vemos alguns tipos de fotoacopladores complexos:
[pic]
Acoplador ótico (acoplador de 2maneiras).

Características:

Largura de faixa larga e baixa perda de inserção.

Uniformidade excelente.

Estabilidade e confiabilidade elevadas.

Conector de FC/APC SC/APC seletivo.

Use o LAN da rede do acesso e a rede Fiber-optic da transmissão.

Instrumento ótico baseado Fiber-Optic da inspeção da rede de CATV.



ENCODERS




Os encoders são transdutores de movimento...
tracking img