Indicadores de políticas públicas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2374 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de setembro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto

Universidade Federal de Goiás
Faculdade de Ciências Sociais



TRABALHO FINAL DE INDICADORES SOCIAIS DE POLÍTICAS PÚBLICAS
Tema: Desigualdade e Pobreza




Disciplina: Indicadores de Políticas Públicas.
Docente: Prof. Dr. José Alexandre
Discente: George Bruno Machado Leão;




Goiânia, junho de 2011.

Resultados de uma má distribuição de renda.
Nos últimos anos apolítica brasileira tem explorado com muitos recursos novas formas de abrir as políticas sociais para o maior número de pessoas possíveis, lançando novas políticas públicas, programas, projetos para se aproximar ao máximo a um Estado de bem-estar social onde estas políticas são principais nas agendas governamentais. Programas no Brasil como Fome Zero e Bolsa Família foi definidor para a mudança destatus no país com relação a mudança de desigualdade e pobreza nacional, visto que foi um programa social que atingiu toda a rede nacional mudando a vida de milhões de pessoas dando uma nova oportunidade para viver em uma maior dignidade com as ajudas de custo que o governo propicia.
Para ser o mais fiel possível a questão, usaremos de indicadores que possam sintetizar a realidade, utilizando deconceitos sólidos para este não perder nenhuma de suas importantes características, que são: validez, confiabilidade, sensibilidade, especificidade, periodicidade, inteligibilidade. A escolha do indicador basicamente fornece um papel metodológico de diretriz por qual rumo tomaremos a atual pesquisa, onde definindo os principais indicadores, podemos definir a forma de uso dos dados para conciliarcom a nossa análise.
A discussão sobre a pobreza é bastante complexa visto que é muito complicado você definir os valores de pobreza, e mais, de como caracterizar uma pessoa como pobre ou não e ainda sim sabemos que é praticamente impossível enquadrar realmente todos os pobres em um grupo e os não-pobres em outro. Ainda mais pela dificuldade em definir o conceito de pobreza em si, por qual pontode vista ele deve ser analisado para que em raízes científica faça um estudo complexo por meio de dados para se obter um resultado plausível. Neste artigo proponho partir do pressuposto que a renda é o principal determinante do nível de bem estar. E a partir desta variável tomaremos um rumo para o que será analisado. Usando da renda (como principal indicador), que é a capacidade de consumoprivado, e, podemos criar critérios de análise para situar a nossa discussão onde criaremos análises da renda com salário mínimo, otimização da cesta alimentar, observação da estrutura de consumo, analisar o impacto de políticas redistributivas, tal como mensurar o que é pobreza em si.
Utilizando da definição de Ricardo Paes de Barros(2000), a pobreza é: “Situação de carência em que os indivíduos nãoconseguem manter um padrão mínimo de vida condizente com as referências socialmente estabelecidas em cada contexto histórico”. A mensuração desta ainda é feita utilizando Linhas de Pobreza, onde buscamos principalmente delimitar as necessidades nutricionais e/ou básicas mínimas para se fazer uma aplicação direta. Onde aqueles que não atingem o mínimo de recursos nutricionais podem sercaracterizados como indigentes, e aqueles que não alcançam as necessidades básicas mínimas podem ser caracterizados como pobres a partir de uma LP(Linha de Pobreza) e LI(Linha de Indigência), lembrando, já referido anteriormente que é complicado criar linhas, pois separar quem é indigente e pobre de quem não é acaba por ser de certa forma arriscado, o que demanda um trabalho bastante minucioso para que estaslinhas sejam as mais fiéis a realidade possível. Mas ainda sim, se escolhêssemos outro conceito para trabalhar com a pobreza, usando a escolaridade, por exemplo, obteríamos um resultado bastante diferente e ainda traçaríamos outro rumo, trabalhando com outras questões e a aplicabilidade de pobreza e desigualdade seria diferente, mas não é o caso deste artigo.
No Brasil, como apresentado...
tracking img