Imunologia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2401 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
História da vitamina D

A primeira descrição científica da deficiência de vitamina D, conhecido como raquitismo, foi registrado no século 17. No entanto, quase três séculos tiveram que passar até a descoberta da vitamina D e o seu papel na doença. Marco importante na história da vitamina D e na compreensão das causas de raquitismo foi alcançado durante o período de 1910 a 1930 nodesenvolvimento da dieta como as ciências experimentais, bem como o conhecimento da existência da vitamina.
A descoberta da deficiência de vitamina D em crianças, especialmente se tivessem vivido em áreas com clima temperado e com um número menor de dias de sol, provou que eles tinham sofrido de raquitismo. Alguns cientistas argumentaram que precisavam de um determinado ingrediente nos alimentos que poderiamlevar à cura de raquitismo, mas outros achavam que a doença poderia ser curada por exposição do corpo a luz solar e ar fresco. No decorrer da história da vitamina D, trabalhos científicos publicados durante anos vinte e trinta do século XX provaram a regularidade de ambas as afirmações.
Pesquisadores americanos Elmer McCollum e Marguerite Davis em 1913, descobriram uma substância no óleo de fígadode bacalhau que mais tarde veio a ser chamado de "vitamina A." O médico inglês Edward Mellanby notou que os cães que foram alimentados com óleo de fígado de bacalhau não desenvolveram raquitismo e concluiu que a vitamina A, ou um fator próximo associado, pode prevenir a doença. Na história da vitamina D, em 1921, Elmer McCollum testou óleo de fígado de bacalhau modificado na qual a vitaminaA tinha sido destruída. O óleo modificado curou os cães doentes, assim McCollum concluiu que o fator no óleo de fígado de bacalhau que cura o raquitismo era distinto da vitamina A. Ele a chamou devitamina D porque era a quarta vitamina a ser nomeada. Ao contrário de outras vitaminas, a vitamina D pode ser sintetizada por seres humanos e por isso não é uma vitamina (substância alimentar vital), excetopara pessoas que não têm exposição à luz UV suficiente. A estrutura química da vitamina D foi identificada na década de 1930.
A vitamina D2, que poderia ser produzida por irradiação ultravioleta do ergosterol foi caracterizada quimicamente em 1932. A vitamina D3 não foi quimicamente caracterizada até 1936, quando foi mostrada como resultado da irradiação ultravioleta, de 7-dehidrocolesterol.Praticamente ao mesmo tempo, o componente elusivo antiraquítico do óleo de fígado de bacalhau demonstrou ser idêntico ao recém caracterizado vitamina D3. Estes resultados claramente estabeleceram que a substância antiraquítica vitamina D era quimicamente um esteróide, mais especificamente um seco-esteróide.

Abaixo relacionamos uma linha do tempo com a história da vitamina D.

1645 | Whistlerescreve a primeira descrição científica do raquitismo. |
1865 | Em seu livro sobre medicina clínica, Trousseau recomenda óleo de fígado de bacalhau como tratamento para o raquitismo. Ele também reconhece a importância da luz solar e identifica osteomalácia como a forma adulta de raquitismo. |
1919 | Mellanby propõe que o raquitismo é devido à ausência de um fator lipossolúvel na dieta. |
1922 |McCollum e colaboradores estabelecem a distinção entre avitamina A e o fator antiraquitismo. |
1925 | McCollum e colaboradores dão o nome do fator antiraquitismo de vitamina D. Hess e Weinstock mostram que um fator com atividade antiraquitismo é produzida na pele por irradiação ultravioleta. |
1936 | Windaus identifica a estrutura da vitamina D em óleo de fígado de bacalhau. |
1937 | Schenckobtém vitamina D3 cristalizada através da ativação do 7-dehidrocolesterol. |
1968 | Haussler e colegas relatam a presença de um metabólito ativo da vitamina D na mucosa intestinal de pintos. |
1969 | Haussler e Norman descobrem receptores de calcitriol no intestino dos frangos. |
1970 | Fraser e Kodicek descobrem que o calcitriol é produzido nos rins. |
1971 | Norman e colaboradores...
tracking img