Imuno

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 10 (2404 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 4 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo de Imunologia
Prof. Mariléia Chaves Andrade
Introdução à Imunologia
* Certezas que embasam a imunologia:
- Sistema imune como um sistema de defesa;
- Reconhecimento específico de materiais estranhos;
- Memória imunológica: vacinas.
* A imunologia surge associada à medicina, sem relação com a biologia. Descobertas de uma Bacteriologia emergente conferiam à "arte" médicainstrumentos para a cura e prevenção de doenças (vacinas);
* Antiguidade:
- Medicina Hipocrática (460 a.c) – apoia-se na cosmologia – natureza e cosmos perfeitos – não havia intervenção médica;
* Renascimento (Séc. XVI a XVIII):
- A Revolução Científica, a vacinação anti-varíola, o nascimento da clínica e a emergência da indústria química transformaram a medicina;
* Período fundador daImunologia:
- Favorecedores da teoria dos germes de Pasteur:
1546 - Girolamo Fracastoro publica um livro sobre o contágio da varíola;
1733 - Voltaire (in Cartas) – 60% pop. Infectada (20% morriam e 80% ficavam com sequelas). Nessa época então começaram medidas profiláticas – aspiração de pó seco de crostas de varíola no séc. XV – costume chinês que consistia na inoculação de material retiradodas pústulas de um enfermo na pele de um indivíduo são. Este adquiria a enfermidade em forma mais branda do que através do contágio natural. Contudo, apesar de sua relativa benignidade, a doença se manifestava com todo o seu cortejo sintomático, deixando, por vezes, cicatrizes no rosto e no corpo das pessoas inoculadas;
1750 - Lady Montagu de Constantinopla – Variolização se estende aos países doocidente graças a ela;
1798 Edward Jenner- comprova a crença popular do poder profilático da variolização - Uma mulher, de nome Sara Nelmes, havia adquirido a varíola bovina ordenhando vacas doentes. Jenner inoculou a linfa retirada de uma vesícula da mão direita de Sara Nelmes na pele do braço de um menino de 8 anos, de nome Jacobo Phipps. A criança desenvolveu a conhecida reaçãoeritêmato-pustulosa no local da escarificação e escassos sintomas gerais. Decorridas 6 semanas Jenner inoculou o pus da varíola humana na criança, com resultado negativo. Estava descoberta a vacina.
- 1870 – Teoria dos Germes de Pasteur - a maioria das doenças infecciosas são causadas por germes;
- Inicia-se então o período fundador da imunologia:
1890 - von Behring e Kitasato – Imunidade antitoxinadiftérica – substância neutralizante específica – anticorpos;
1901 - 1o. Prêmio Nobel – von Behring – Soroterapia;
Paul Erlich – anticorpos contra outras toxinas que não são necessariamente de origem bacteriana;
Teoria Humoral X Teoria Celular
von Behring (1890 – 1901) Metchinikoff
Paul Erlich (1880 – 1904)
Elie Metchinikoff dizia que afinalidade da inflamação era trazer as células fagocitárias para a área invadida para que pudessem tragar as bactérias invasoras contradizendo a teoria prevalente na época (teoria humoral, de Paul Ehrlich) que dizia que a finalidade da inflamação era trazer os mediadores do soro até a região, e estes reagiriam com o antígeno estrangeiro;
1908 - Prêmio Nobel para Metchinikoff e Erlich – ambas as teoriasestavam certas – descoberta do anticorpo;
* Apenas 10 anos após a descoberta de que o corpo tem a capacidade de defesa, que foram descobertos os anticorpos (como essa defesa ocorre);
* A imunologia possibilita então o estudo de:
- Mecanismos de patogenicidade;
- Desenvolvimento de vacinas;
- Tratamento de alergias (resposta imunológica a agentes inócuos);
- Autoimunidade (respostaimunológica contra si mesmo);
- Imunodeficiência (defeitos da resposta imunológica);
- Resposta imunológica a transplantes;
Tudo isso permite a manipulação desse sistema (imune) para tratar doenças (imunossupressão e imunorregulação);
* A atividade imunológica é toda integrada. Quanto mais contato, maior é o amadurecimento do sistema. Isso ocorre preferencialmente na juventude, pois com o...
tracking img