importancia da diplomacia nas relacoes internacionais

Páginas: 19 (4508 palavras) Publicado: 9 de agosto de 2013
DIPLOMACIA: conceito

Diplomacia : já se disse que a sua prática é antiquíssima ( “ tão antiga como
os povos”), mas a palavra que hoje a designa ( de raiz grega ) chegou-nos tarde, em
obras de compilação de documentos relacionados com as relações internacionais,
primeiro, em 1693, no CODEX Júris Gentium Diplomaticus, de Leibnitz, e depois,
em 1726, no Corpus universel diplomatique du droitdes gens, de Jean Dumont .
Também em meados do século XVIII começou a usar-se em Viena a expressão
corpo diplomático para designar o conjunto do pessoal das respectivas Missões,
aparecendo em Londres, em 1787, como a lista de individualidades em serviço no
estrangeiro. Em 1796, Edmond Burke empregava a palavra diplomacia para
designar o conjunto de Chefes de Missão em Paris, no seguimento docostume que,
desde 1791, usava ali o vocábulo para designar a actividade dos diplomatas ( a
palavra era também ainda desconhecida ), ou seja dos funcionários que se
ocupavam das relações externas. É pois um termo que se consolida apenas no
século XVIII, indicando então o conjunto de actividades e práticas relativas às trocas
e negociações entre Estados. Assiste-se assim a uma mudança – não naactividade
em si, mas da consideração desta com regras próprias e estatuto jurídico. Com
efeito, e tanto Vatell como Wickfort foram nisso influentes, só com o século XVIII se
vai efectuar uma reflexão mais sistemática sobre a função, os métodos e o estatuto
dos embaixadores. A função já existia antes, a palavra surgiria só nesse século, pois
apenas então o conjunto de actividades dosembaixadores começou a ser vista
como uma instituição com regras específicas e consolidadas, regida por uma
organização similar nas diferentes cortes europeias.
A evolução histórica da diplomacia reflecte também a sua natureza de
instrumento regulador da comunidade internacional, exercendo o que um autor
espanhol (E.Pintos) qualifica de “persuasão contínua”, para a busca de soluções

2mutuamente aceitáveis no caso de conflitos de interesses entre sujeitos de direito
internacional. Porque, como Nicolson sublinha, a diplomacia não é uma invenção de
qualquer sistema político determinado, mas sim um elemento essencial em qualquer
relação racional entre as nações.
Não é, porém, consensual a definição de diplomacia. A palavra é ainda hoje
utilizada com diversos significados, querrelativos à actividade externa, quer mesmo
ligados à nossa vida quotidiana. Até o recurso aos dicionários pouco ajuda a uma
mais fácil clarificação. Assim, o respeitado dicionário de Morais define-a de vários
modos: como “ciência do direito e das conveniências internacionais; ramo da
Administração que tem por objecto as relações internacionais; a carreira diplomática;
habilidade com que se trataalgum negócio; ou delicadeza de trato, cerimónia”. Já
mais perto de nós, Buarque de Holanda diz, no seu dicionário, ser “ciência das
relações exteriores ou negócios estrangeiros dos Estados; ciência ou arte das
negociações; corpo diplomático junto de um Estado; circunspecção e gravidade nas
maneiras; delicadeza e finura; astúcia e habilidade com que se trata qualquer
negócios”. Lá fora, odicionário de Oxford define-a como “gestão das relações
internacionais por negociação; o método pelo qual estas relações são ajustadas e
conduzidas por embaixadores e enviados; o trabalho ou a arte do diplomata”.
Também não é consensual a definição de diplomacia entre os autores que se
dedicam ao seu estudo. Há os que a identificam e consideram sinónimo de política
externa, nomeadamente a escolaamericana, no seguimento de Morgenthau e
Kaplan. Para Kaplan, diplomacia é “a formulação de uma estratégia visando a
concretização de interesses nacionais no campo internacional, e bem assim a sua
execução por diplomatas”. Para Morgenthau, diplomacia é “a formulação e execução
da política externa”. Outros, já na linha da escola europeia tradicional, consideramna antes um instrumento ou...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • A importância da diplomacia nas relações intrnacionais
  • A importancia das relações internacionais
  • O estudo das relações internacionais do Brasil Um diálogo entre a diplomacia e a academia
  • A importância das relações internacionais Para o desenvolvimento dos países
  • Relações internacionais
  • Relações internacionais
  • Relações Internacionais
  • Relaçoes internacionais

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!