Impacto de educação em saude na promoção à saúde

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 16 (3822 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO

O avanço da organização dos serviços de saúde no Brasil na perspectiva da construção do SUS – Sistema Único de Saúde – traz novos desafios para a capacitação dos profissionais de saúde pública que atuam nos diversos serviços de saúde. Em especial a estratégia de Saude da família conta com profissionais de nível escolar médio a superior e esse profissional’ precisa tanto dispor deconceitos da Epidemiologia como da área de Ciências Sociais, para compreender o processo de saúde-doença e os determinantes político-institucionais da organização do sistema de saúde,do planejamento de informações, do entendimento dos problemas ambientais e culturais da população, o domínio de um instrumental estatístico básico, dos paradigmas organizacionais adequados às novas realidadesregionais e à organização e gestão dos serviços de saúde.
De acordo com o texto constitucional, complementado e aperfeiçoado pela Lei Orgânica da Saúde, a assistência à saúde pelo SUS deve abranger tanto as ações assistenciais ou curativas quanto, e prioritariamente, as atividades de promoção da saúde e prevenção de doenças.
No que diz respeito à organização dos serviços e das práticas de saúde, aintegralidade caracteriza-se pela assimilação das práticas preventivas e das práticas assistenciais por um mesmo serviço. Assim, o usuário do SUS não precisa dirigir-se a unidades de saúde distintas para receber assistência curativa e preventiva. No caso do PSF, a equipe de saúde da família está capacitada para executar desde ações de busca ativa de casos na comunidade adscrita, mediante visitadomiciliar, até acompanhamento ambulatorial dos casos diagnosticados (tuberculose, hanseníase, hipertensão, diabetes, entre outras enfermidades) com o fornecimento de medicamentos. Seguindo o princípio da integralidade, as atividades de educação em saúde estão incluídas entre as responsabilidades dos profissionais do PSF.

História da saúde pública no Brasil
No início, não havia nada. A saúdeno Brasil praticamente inexistiu nos tempos de colônia. O modelo exploratório nem pensava nessas coisas. O pajé, com suas ervas e cantos, e os boticários, que viajavam pelo Brasil Colônia, eram as únicas formas de assistência à saúde. Para se ter uma idéia, em 1789, havia no Rio de Janeiro apenas quatro médicos.
Com a chegada da família real portuguesa, em 1808, as necessidades da corte forçarama criação das duas primeiras escolas de medicina do país: o Colégio Médico-Cirúrgico no Real Hospital Militar da Cidade de Salvador e a Escola de Cirurgia do Rio de Janeiro. E foram essas as únicas medidas governamentais até a República.
Foi no primeiro governo de Rodrigues Alves (1902-1906) que houve a primeira medida sanitarista no país. O Rio de Janeiro não tinha nenhum saneamento básico e,assim, várias doenças graves como varíola, malária, febre amarela e até a peste bubônica espalhavam-se facilmente. O presidente então nomeou o médico Oswaldo Cruz para dar um jeito no problema. Numa ação policialesca, o sanitarista convocou 1.500 pessoas para ações que invadiam as casas, queimavam roupas e colchões. Sem nenhum tipo de ação educativa, a população foi ficando cada vez mais indignada.E o auge do conflito foi a instituição de uma vacinação antivaríola. A população saiu às ruas e iniciou a Revolta da Vacina. Oswaldo Cruz acabou afastado.
A forma como foi feita a campanha da vacina revoltou do mais simples ao mais intelectualizado. O que Rui Barbosa disse sobre a imposição à vacina: "Não tem nome, na categoria dos crimes do poder, a temeridade, a violência, a tirania a que elese aventura, expondo-se, voluntariamente, obstinadamente, a me envenenar, com a introdução no meu sangue de um vírus sobre cuja influência existem os mais bem fundados receios de que seja condutor da moléstia ou da morte."¹
Apesar do fim conflituoso, o sanitarista conseguiu resolver parte dos problemas e colher muitas informações que ajudaram seu sucessor,Carlos Chagas, a estruturar uma campanha...
tracking img