Iluminação natural

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 18 (4274 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
[pic]

CENTRO UNIVERSITÁRIO DE BRASÍLIA – UniCEUB FACULDADE DE TECNOLOGIA E CIÊNCIAS SOCIAIS APLICADAS - FATECS CURSO DE ARQUITETURA E URBANISMO

DISCIPLINA: INSTALAÇÕES I

ILUMINAÇÃO NATURAL

Alunas: ADRIANA
CHRISTIANE
EMILEIDE
MARIANA

Brasília, DF
Outubro de 2010
SUMÁRIO

1. HISTÓRICO DO USO DA LUZ NAARQUITETURA...........................................04
2. ILUMINAÇÃO NATURAL E QUALIDADE AMBIENTAL: EFICIÊNCIA ENERGÉTICA E CONFORTO ............................................................................05
3. O CLIMA COMO CONDICIONANTE DE PROJETO...........................................06
4. ESTRATÉGIAS DE PROJETO PARA A LUZ NATURAL....................................22
5.CONCLUSÃO......................................................................................................25

INTRODUÇÃO

Vivemos em um período em que a preocupação em economizar os recursos naturais disponíveis é cada vez maior. Isso acontece, certamente, porque estamos vivendo um tempo em que os recursos energéticos e a nossa capacidade instalada lutarão para suprir uma demanda sempre crescente. Não somente peloaumento da massa edificada do país, mas também pelo aumento do consumo por unidade de área de nossos edifícios, com ênfase nos setores residencial e comercial. Nestes últimos, por exemplo, nossa realidade se alterou muito nos últimos anos e a tendência para os próximos anos é que se altere ainda mais, para que os equipamentos assumam, no consumo desregrado, percentuais acima da iluminação artificiale do condicionamento ambiental.
E este é o cenário que nós futuros arquitetos encontraremos: um cenário em que a boa arquitetura será responsável por evitar que níveis de consumo atinjam valores insuportáveis e de difícil administração.
Neste aspecto, a “arquitetura da luz”, assume importância crucial, uma vez que é a solução para um problema relacionando a luz e o calor, ouseja, vai permitir a entrada da luz natural reduzindo a entrada de radiação em forma de calor.
Esta questão está ligada também a outros requisitos, tais como a definição dos melhores percentuais de vidro nas fachadas em diferentes latitudes, ou até que ponto o desempenho dos vidros mais eficientes é igual ou superior ao dos protetores solares externos (os brises).
A iluminaçãonatural não deve ser trabalhada sozinha, pelo contrário ela também se estende no âmbito da iluminação artificial, já que ambas são tão necessárias em nossos projetos, principalmente nos edifícios industriais e comerciais que, em muitos casos, atinge as vinte e quatro horas do dia. Por esse motivo a indústria da iluminação artificial avança cada vez mais formando uma quantidade maior de lumens comuma necessidade menor de potência, e em índices de reprodução de cor cada vez mais próximos da luz solar.
Enfim, a iluminação tem um papel importante nos ambientes que proporcionam bem estar e conforto aos usuários, o que pode ser ainda mais potencializado com o uso da luz natural.

1. HISTÓRICO DO USO DA LUZ NA ARQUITETURA

Para que possamos entender a relaçãoexistente entre luz e arquitetura é necessário sabermos a importância que a luz representa para a própria vida humana. A luz é muito importante para a nossavida, pois cerca de 70% da nossa percepção humana é visual.

Em todos os momentos de sua história a iluminação sempre esteve presente, embora muitas vezes de forma despercebida exatamente por considerada algo natural.

A arquitetura clássica trata a luz como se esta fosse algo precioso e ao mesmo tempo perigoso e as pequenas e bem localizadas aberturas propiciavam o...
tracking img