Igreja catolica e o feudalismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (282 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 15 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
A Igreja católica e o feudalismo


[pic]
A Igreja católica era extremamente poderosa. Em primeiro lugar, porque a maioria das pessoas era católica fervorosa. Depois,porque a Igreja era rica, dona de vastos feudos. Muitos de seus bens vinham de doações que nobres deixavam em testamento.  

Geralmente, os altos postos eclesiásticos (da Igreja)eram preenchidos por filhos da nobreza. Ou seja, a cúpula da Igreja e os nobres pertenciam à mesma classe dominante, a dos senhores feudais.


A Igreja também dominava avida cultural. Assim como os servos se subordinavam aos senhores, a vida cultural era serva dos padres. Os clérigos (homens da Igreja ) eram das poucas pessoas que sabiamler. 


Numa época em que não havia televisão nem programas de auditório, a Igreja era uma grande fonte de informação e até de lazer. Tudo o que se dizia e se pensava deviater a autorização dela. Quem a contrariasse era considerado um herege (inimigo do cristianismo) e atirado numa masmorra fria e úmida ou numa quente e sequinha fogueira.Como se vê, a Igreja tinha um importante papel político. Ela era aliada dos senhores feudais e muitas das idéias que difundia serviam para tornar as pessoas mais obedientesaos nobres. Nos sermões dos padres, os camponeses ouviam abobrinhas do tipo "é preciso se conformar com a pobreza, pois foi Deus quem a desejou". É por isso que muitas revoltassociais contra a exploração feudal foram consideradas heresias. 


Outra idéia difundida era a de que a sociedade feudal seria eterna, pois teria sido Deus que desejouque "uns rezassem (a Igreja), outros combatessem (os nobres) e outros trabalhassem (os servos)". Desse modo, os trabalhadores e  stavam subjugados pela espada e pela cruz
tracking img