Idoso trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1576 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Idoso e Trabalho
A situação o trabalhador ao chegar nesse momento da vida, especialmente com relação ao trabalho, sofre mudanças importantes. Demanda escolhas importantes, que influenciarão o futuro desse idoso. Mas por que esse momento é tão importante, e nele decisões serão tomadas¿ Para responder essas perguntas, é interessante partir para a visão do trabalho, construída ao longo do séc.XX-XXI, um espaço cada vez mais competitivo, mais restrito, em constante evolução, dinâmico.
A demanda de dinamismo, e de outras competências, colocaria o idoso em desvantagem (em relação ao jovem). Essa forma de pensar, baseada na Teoria da Modernização, de Cowgil e Holmes, acredita numa obsolescência do idoso.
A outra explicação para a “reciclagem” da força de trabalho acredita na saída dos maisvelhos, abrindo-se espaço para os mais novos. Essa teoria, a Teoria do Desengajamento, vê o mais jovem, o mais ágil e eficiente, como sucessor necessário desse idoso que deve sair, e assim se preparar para o fim do seu ciclo de vida.
Na chegada ao momento de decisão (que nem sempre é tomada pelo trabalhador), algumas opções podem ser discutidas, construídas e efetivadas. Algumas vezes otrabalhador continua na instituição (aposentado, ou não), outras ele sai, se aposentando. Pesquisa do IBGE, em 1998, mostrou que cerca de 54% dos aposentados trabalhavam em atividades formas o informais. O que chama a atenção é que nem todos permaneceram em seus postos. Alguns foram realocados e outros saíram e retornaram, nem sempre aos seus postos.
E por que esse idoso insiste em continuar ativo nomercado de trabalho¿ Segundo Sá, “motivos podem ser muitos, como necessidade econômica, não gostar de ficar em casa, entre outros. Mas, para ela, o mais importante é o indivíduo se sentir útil, produtivo, capaz de interagir com o meio e levar conhecimentos de sua experiência de vida para o seu novo trabalho e, em contrapartida, prover-se a nível econômico, emocional e social, sem ser taxado por si oupelos outros, por estar “improdutivo” e não ter mais o mesmo “status” social que adquiriu no passado” (Moura, C. et al apud Sá).
As pessoas que gostavam de suas funções, de seu trabalho, veem a aposentadoria como uma perda. A imagem que a sociedade possui hoje também influencia as atitudes perante a aposentadoria. A valorização do jovem, da virilidade, entre outras coisas, gera pressões no idosoque, muitas vezes, não aceita a sua condição limitada, as perdas provenientes da idade, e acaba adoecendo. “Para essas pessoas, deixar de sentir-se útil acarreta uma perda de significado para a vida, já que o “ser produtivo”, hoje, está vinculado diretamente ao servir à sociedade” (Moura, C. et al,2007).
Motivos da volta do idoso

O reingresso (e mesmo a continuação) do idoso no mercado émarcado basicamente por duas perspectivas: a da Necessidade e a da Opção. A necessidade é um “campo” bem trabalhado, já que o idoso, em muitos casos, é o chefe da família ou única fonte de renda (WAJNMAN, S., Oliveira, A.M., Oliveira, E.L.; e outros). Além disso, questões paralelas, como saúde, exercem uma forte influência sobre essa atitude. Segundo dados do Datasus, os custos hospitalares com idosossão quase três vezes maiores que os custos com adultos (Freitas, E.V., 2006).
Há também a opção pela permanência\retorno ao mercado. Muitos idosos gostam de seus postos e conseguem desempenhar suas atribuições de forma suficiente. Outros partem para novas possibilidades, por não conseguir retornar ao seu posto, ou por vontade própria. Muitas pessoas aproveitam esse momento para executaratividades não remuneradas, sejam hobbies, atividades no lar ou atividades que beneficiam a comunidade, ou abrem seu negócio.
Essas atividades trazem benefícios importantes à saúde desse trabalhador. Pesquisas indicam que o nível de atividade, e sua complexidade, são fatores protetivos contra problemas físicos e psicológicos: “Idoso que trabalha tem menos chances de desenvolver depressão, portanto o...
tracking img