Idolos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 109 (27097 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de setembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
O CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS
OU A FILOSOFIA A GOLPES DE MARTELO

FRIEDRICH WILHELM NIETZSCHE

O CREPÚSCULO DOS ÍDOLOS
OU A FILOSOFIA A GOLPES DE MARTELO

Tradução: Edson Bini Márcio Pugliesi
Da Universidade de São Paulo

2

Do Original Alemão:

GÖTZEN-DÄMMERUNG
© Copyright 2.001 by Hemus S.A.

Todos os direitos adquiridos e reservada a propriedade literária desta publicação pelaHEMUS LIVRARIA, DISTRIBUIDORA E EDITORA S.A.

Visite nosso site: www.hemus.com.br Pedidos e Correspondência: Caixa Postal 073 - CEP 80011-970 - Curitiba - PR

Impresso no Brasil / Printed in Brazil

3

PREFÁCIO
Conservar a serenidade em meio a uma causa sombria e justificável além de toda medida não constitui certamente uma arte que se possa desconsiderar: e todavia o que haveria demais necessário que a serenidade? Nada triunfa a menos que a petulância tenha sua participação. Um excedente de força prova a força. — Uma transmutação de todos os valores, este ponto de interrogação tão negro, tão enorme, que lança sombras sobre aquele que o coloca — um tal destino numa tarefa nos força a cada instante a correr rumo ao sol como se para sacudir uma seriedade tornada demasiadoopressiva. Para isso todo meio é bom, todo "acontecimento" é o benvindo. Sobretudo a guerra. A guerra foi sempre a grande prudência de todos os espíritos que não são por demais concentra. dos, de todos os espíritos tornados demasiado profundos; existe o poder de curar mesmo no ferimento. Desde muito uma sentença da qual oculto a origem à curiosidade sábia tem sido minha divisa: Increscunt animi, virescitvolnere virtus. Um outro meio de cura em certos casos para mim preferível, consistiria em surpreender os ídolos... Há mais ídolos do que realidades no mundo: é o meu "olho maligno" para esse mundo, é também meu "ouvido maligno" ... Colocar aqui questões com o martelo e ouvir talvez como resposta esse famoso som oco que fala de entranhas insufladas — que arrebatamento para alguém que, atrás dosouvidos, possui outros ouvidos ainda — para mim, velho psicólogo e apanhador de ratos chega a fazer falar o que justamente desejaria permanecer mudo... Este escrito, ele também — o título o revela — é acima de tudo um relaxamento, uma mancha luminosa, um salto à ociosidade dum psicólogo. Quem sabe seja igualmente uma guerra nova? ... Este pequeno livro é uma grande declaração de
4

guerra; equanto a surpreender os segredos dos ídolos, desta vez não são mais os deuses em voga, mas ídolos eternos que são aqui tocados pelo martelo como se faria com um diapasão — não há, em última análise, ídolos mais antigos, mais persuasivos, mais inflados... não há mais ocos também. O que não impede que sejam aqueles em que se crê mais; e não são, mesmo nos casos mais nobres chamados de ídolos ... Turim,30 de setembro de 1888, dia em que foi terminado o primeiro livro de A Transmutação de todos os valores FRIEDRICH W. NIETZSCHE

5

MÁXIMAS E SÁTIRAS
1 A ociosidade é mãe de toda psicologia. Como? Seria a psicologia um... vício? 2 O mais corajoso dentre nós dispõe apenas raramente da coragem de afirmar aquilo que sabe verdadeiramente... 3 Para viver só é necessário ser um animal ou então umdeus — afirma Aristóteles. Falta o terceiro caso: é necessário ser um e outro, é necessário ser — filósofo... 4 "Toda verdade é simples." — Não existe ai uma dupla mentira? 5 De uma vez por todas, há muitas coisas que não quero absolutamente saber. — A sabedoria traça limites, mesmo ao conhecimento. 6 É naquilo que tua natureza tem de selvagem que restabeleces o melhor de tua perversidade, querodizer de tua espiritualidade...
6

7 Como? O homem seria tão-somente um equívoco de Deus? Ou então seria Deus apenas um equivoco do homem? 8 Na Escola Bélica da Vida — O que não me faz morrer me torna mais forte. 9 Ajuda a ti mesmo: e então todos te ajudarão. Princípio do amor ao próximo. 10 Não te acovardes diante de tuas ações! Não as repudies depois de consumadas! O remorso da consciência...
tracking img