Ideias de wilhelm wundt

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1424 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Behaviorismo, de Watson
Segundo Watson, os seres humanos já nascem com certas conexões estímulo-resposta herdadas e chamadas reflexos. Aprendizagem ocorre a partir de um condicionamento destas conexões bem como na construção de novas conexões estímulo-resposta através do condicionamento clássico pavloviano. Para ele o meio ambiente exerce uma grande influência sobre o indivíduo.
Sua maiorpreocupação é com os aspectos observáveis do comportamento, uma vez que para ele todo comportamento é aprendido. Por isso ele se preocupa mais com o que as pessoas fazem, do que com que as pessoas pensam.
Para a elaboração de sua teoria, realizou estudos com crianças, quando pôde verificar que estas não exibem medo quando são, por exemplo, apresentadas pela primeira vez a um gato, ou a um cão, ou aoutros animais. E isso se deve ao fato de que as crianças ainda não aprenderam a ter medo destes seres.
O experimento clássico de Watson foi o que ele realizou com uma criança que ao ser apresentada a um rato branco, num primeiro momento, não manifestou medo. No entanto, após a combinação do rato a um som estridente, durante sete vezes, a visão do animal se transformou de forma tal que foi suficientepara provocar na criança uma forte reação de medo. Com isso ele conseguiu provar que quase todo comportamento humano é aprendido.
Sendo assim, toda atividade humana é condicionada e condicionável em decorrência da variação na constituição genética. Contudo, é possível construir uma multiplicidade de novas conexões estímulo-resposta através do condicionamento clássico pavloviano. Para Watson, quasetodo comportamento humano seria aprendido.
Desse experimento, Watson concluiu que o meio ambiente exerce uma grande influência sobre o indivíduo. Apoderando-se do condicionamento de Pavlov e combinando-o com idéias que ele mesmo havia desenvolvido, Watson apresentou ao mundo a posição que chamou de behaviorismo.
Watson é o fundador do behaviorismo no mundo ocidental. O principal objetivo doenfoque behaviorista é explicar o relacionamento entre estímulos, respostas e conseqüências (boas, más ou neutras). Ou seja, aprendizagem é um condicionamento clássico e que depende do meio externo.
A doutrina de Watson procura observar os dados do comportamento exterior com eliminação total da consciência. O behaviorismo criado por Watson teve enorme influência na psicologia e na instrução, aodescartar o mentalismo em favor do comportamentalismo.
A principal contribuição do behaviorismo a contestação ao mentalismo, que fazia a distinção entre corpo e mente. Segundo Watson, todo comportamento, ou seja, tudo o que pensamos, sentimos, dizemos ou fazemos envolve, em graus variáveis, atividade de todo o corpo.
   O behaviorismo e foi promovido pelo psicólogo John B. Watson, de 35 anos. Apenas 10anos antes, Watson recebera o Ph. D. de James Rowland Angell na University of Chicago, na época em que ela era o centro da psicologia funcionalista, um dos dois movimentos que Watson decidiu destruir.
 
   As premissas básicas do behaviorismo de Watson eram simples, diretas e ousadas. Ele buscava uma psicologia científica que lidasse exclusivamente com os atos comportamentais observáveis e passíveisde descrição objetiva, por exemplo, em termos de "estímulo" e "resposta". Além disso, a psicologia de Watson rejeitava qualquer termo ou conceito mentalista. Na sua visão, palavras como "imagem", "sensação", "mente" e "consciência"- adotadas desde a época da filosofia mentalista- não significavam absolutamente nada para a ciência do comportamento.

   Watson afirmava que a consciência não tinha omenor valor para a psicologia do comportamento, rejeitando veemente esse conceito. Além disso, alegava que ninguém jamais "havia visto, tocado, cheirado, experimentado ou transferido de um lugar para outro a consciência. A sua definição não passa de mera suposição tão improvável quanto o conceito de alma". Desse modo, a introspecção, que pressupunha a existência do processo consciente, era...
tracking img