Huahuhaah

O Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) – Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas, entidade científica – traçou cenários de consumo de energia até 2050. Mantendo as tendências atuais, teremos uma emissão de 16 gigatoneladas de carbono (GTCs), o que equivale a um bilhão de toneladas de carbono. Isso representaria 6ºC de aumento na temperatura do planeta, por volta doano de 2100. Os efeitos desse cenário seriam mudanças substanciais na biodiversidade, com a extinção de muitas espécies, sem considerar os efeitos econômicos e sociais. Também há projeções populacionais de acréscimo de três bilhões de pessoas em 2050 e de dois bilhões de veículos circulando no mundo.

Diante desse cenário, o IPCC propõe que a tendência da emissão de 16 GTCs alcance a meta deredução para 9 GTCs. A esse respeito, é INCORRETO afirmar que:O Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) – Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas, entidade científica – traçou cenários de consumo de energia até 2050. Mantendo as tendências atuais, teremos uma emissão de 16 gigatoneladas de carbono (GTCs), o que equivale a um bilhão de toneladas de carbono. Isso representaria 6ºCde aumento na temperatura do planeta, por volta do ano de 2100. Os efeitos desse cenário seriam mudanças substanciais na biodiversidade, com a extinção de muitas espécies, sem considerar os efeitos econômicos e sociais. Também há projeções populacionais de acréscimo de três bilhões de pessoas em 2050 e de dois bilhões de veículos circulando no mundo.

Diante desse cenário, o IPCC propõe que atendência da emissão de 16 GTCs alcance a meta de redução para 9 GTCs. A esse respeito, é INCORRETO afirmar que:O Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) – Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas, entidade científica – traçou cenários de consumo de energia até 2050. Mantendo as tendências atuais, teremos uma emissão de 16 gigatoneladas de carbono (GTCs), o que equivale aum bilhão de toneladas de carbono. Isso representaria 6ºC de aumento na temperatura do planeta, por volta do ano de 2100. Os efeitos desse cenário seriam mudanças substanciais na biodiversidade, com a extinção de muitas espécies, sem considerar os efeitos econômicos e sociais. Também há projeções populacionais de acréscimo de três bilhões de pessoas em 2050 e de dois bilhões de veículos circulandono mundo.

Diante desse cenário, o IPCC propõe que a tendência da emissão de 16 GTCs alcance a meta de redução para 9 GTCs. A esse respeito, é INCORRETO afirmar que:O Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) – Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas, entidade científica – traçou cenários de consumo de energia até 2050. Mantendo as tendências atuais, teremos uma emissãode 16 gigatoneladas de carbono (GTCs), o que equivale a um bilhão de toneladas de carbono. Isso representaria 6ºC de aumento na temperatura do planeta, por volta do ano de 2100. Os efeitos desse cenário seriam mudanças substanciais na biodiversidade, com a extinção de muitas espécies, sem considerar os efeitos econômicos e sociais. Também há projeções populacionais de acréscimo de três bilhões depessoas em 2050 e de dois bilhões de veículos circulando no mundo.

Diante desse cenário, o IPCC propõe que a tendência da emissão de 16 GTCs alcance a meta de redução para 9 GTCs. A esse respeito, é INCORRETO afirmar que:O Intergovernmental Panel on Climate Change (IPCC) – Painel Intergovernamental sobre as Alterações Climáticas, entidade científica – traçou cenários de consumo de energia até2050. Mantendo as tendências atuais, teremos uma emissão de 16 gigatoneladas de carbono (GTCs), o que equivale a um bilhão de toneladas de carbono. Isso representaria 6ºC de aumento na temperatura do planeta, por volta do ano de 2100. Os efeitos desse cenário seriam mudanças substanciais na biodiversidade, com a extinção de muitas espécies, sem considerar os efeitos econômicos e sociais. Também...
tracking img