Hpv- trabalho

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 6 (1331 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 3 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Erem Sizenando Silveira

Papiloma vírus humano – HPV

Recife, 2013
Erem Sizenando Silveira



Alunos (a): Alexsandra Hellen
Larissa Rayane
Roger Araújo
Turma: 2º “A”

Trabalho a ser entregue à
professora Cristiane Araujo
referente a disciplina de Biologia.

Recife, 2013
SumárioIntrodução

Quando falamos sobre sexo, os jovem são cheios de informações sobre como usar a camisinha e os riscos de se adquirir o HIV/AIDS. Mas um tema muito importante e que em muitas ocasiões é deixado de lado o HPV, uma doença sexualmente transmissível que pode ficar vários anos sem se manifestar no organismo e atinge cerca de 80% da população mundial sexualmente ativa, segundoestimativas. O Ministério da Saúde registra a cada ano 137 mil novos casos no país. Em ambos os sexos, o HPV torna o organismo mais vulnerável a outras doenças, inclusive a AIDS. Por isso, é importante saber o que é o HPV, como se prevenir e como tratar a doença.
HPV é a sigla que está em inglês para papiloma vírus humano, que é a razão de lesões na pele ou mucosa. Os HPV genitais são transmitidos pormeio das relações sexuais e causam verrugas ou condilomas acuminados, popularmente conhecidas como "cavalo de crista". Na maior parte dos casos, as lesões têm crescimento limitado e regridem espontaneamente.
Nas mulheres, o HPV causa lesões que se não forem tratadas podem evoluir para o câncer de colo de útero. Para Luís Mathias, chefe do serviço de ginecologia do Instituto Nacional do Câncer(Inca), a melhor forma de prevenção contra o HPV ainda é a camisinha, embora ela não seja 100% segura. Outro ponto importante é que as mulheres sexualmente ativas façam o exame preventivo de câncer de colo do útero (Papanicolaou) todo ano.
“O problema não é a lesão em si, mas a possibilidade desta lesão evoluir para um câncer de colo de útero. Em todos os países em que a prevenção é eficiente, comoa Finlândia e a Suécia, por exemplo, não há mais casos de câncer de colo do útero”.

HPV

O HPV é um condiloma acuminado, popularmente conhecido como verruga genital, crista de galo ou figueira, é uma doença sexualmente transmissível (DST) originada pelo Papiloma vírus humano (HPV). Atualmente, existem mais de 100 tipos de HPV alguns deles podendo originar câncer, especialmente no colo doútero e do ânus. No entanto, a infecção pelo HPV é muito banal e nem sempre deriva um câncer. O exame de prevenção do câncer ginecológico, o Papanicolau, pode detectar alterações precoces no colo do útero e deve ser feito frequentemente por todas as mulheres.
Não se reconhece o tempo em que o HPV pode permanecer sem sintomas e quais são os fatores responsáveis pela ampliação de lesões. Por essemotivo, é recomendável procurar serviços de saúde para consultas frequentemente.
Vários estudos revelam que há uma forte relação entre o vírus HPV e o câncer de colo uterino, sendo que, em 99% dos casos registrados dessa doença, as mulheres estavam infectadas pelo vírus. Fatores como o fumo, o uso de pílulas contraceptivas e a AIDS aumentam o risco do HPV causar o câncer de colo de útero. Existemmais de 200 tipos diferentes de HPV. Eles são classificados em de baixo risco de câncer e de alto risco de câncer. Somente os de alto risco estão relacionados a tumores malignos.
Os vírus de alto risco, com maior possibilidade de provocar lesões constantes e estar associados a lesões pré-cancerosas são os tipos 16, 18, 31, 33, 45, 58 e outros. Já os HPV de tipo 6 e 11, localizados na maioria dasverrugas genitais (ou condilomas genitais) e papilomas laríngeos, parecem não apresentar nenhum risco de progressão para malignidade, apesar de serem encontrados em pequena proporção em tumores malignos.
Estudos no mundo confirmam que 50% a 80% das mulheres sexualmente ativas serão contaminadas por um ou mais tipos de HPV em algum momento de suas vidas. Entretanto, a maioria das infecções é...
tracking img