Horas Complementares 2 Horas

Páginas: 5 (1247 palavras) Publicado: 6 de maio de 2015
ATIVIDADE COMPLEMENTAR

DADOS PESSOAIS:

NOME: Francisco César Talarico

CURSO: SERVIÇO SOCIAL

POLO: Araraquara – S.P.

MATRÍCULA: 0200113248

EMAIL: fct_2016@hotmail.com

MODALIDADE: Palestra

ATIVIDADE: Capacitação

DATA: 04/11/2014

LOCAL: Auditório da Secretaria da Educação – Dourado - S.P.

CARGA HORÁRIA: 2 horas

PALESTRANTE: Fernando José Regonato

RELATÓRIO: ATIVIDADE COMPLEMENTARPalestra sobre: Motivação no trabalho em equipe
Resumo da palestra:


Qual a diferença entre o inteligente e o motivado? Parece quase óbvio, que o motivado é uma pessoa inteligente e que uma pessoa inteligente nem sempre é motivada. Em qual aspecto você se enquadra? Motivado ou inteligente? Mais uma palestra que participei no auditório da educação em Dourado S.P. com o palestrante Fernando JoséRegonato, da cidade de São José do Rio Preto.
Mensagem de motivação e autoestima: Uma única pessoa motivada tem a capacidade de contagiar e impulsionar todos seus parceiros de trabalho, para isso deve usar a criatividade com aliado. Quando as pessoas sabem que suas ações serão valorizadas, parecem tender a criar mais. O medo do novo, o apego aos paradigmas são formas de consolidar o status quo quandosentem que não estão sob ameaça (de perder o emprego ou de cair no ridículo, por exemplo), as pessoas perdem o medo de inovar e revelam suas habilidades criativas.

Motivação para trabalho em equipe:

Motivação é um assunto muito discutido entre gestores, líderes e empreendedores. E quando se fala em motivação para o trabalho em equipe poucos a compreendem totalmente, pois motivar e manter estamotivação por um bom tempo não é uma tarefa fácil. O palestrante falou do assunto e muitos treinamentos buscam um nível alto de motivação, mas na maioria dos casos, ela não se mantém por um longo tempo. Para isto é necessário uma reflexão sobre o que representa o trabalho na vida dos seres humanos.
 

Para que e por que se trabalha?

Como se trabalha?
 
Para que se trabalha?

Com quem se trabalha? 
O trabalho satisfaz, é um fardo ou uma atividade gratificante, motivadora, que dá sentido à vida?
 
Trabalha-se para satisfazer as próprias necessidades ou para melhorar o ambiente, relações e o mundo em que vivemos?
 

A reflexão para onde caminha o homem é que pode mudar a face e os rumos de uma cultura onde o ter e o poder tem maior peso que qualquer outro valor. Pode-se, no entanto, tomaralguns rumos e desenvolver algumas ações no local de trabalho, visando atender os interesses individuais de seres humanos que necessitam do trabalho para ter uma vida melhor, prazerosa, com satisfação e qualidade de vida. E focar os interesses coletivos de forma que o trabalho também melhore a qualidade de vida para os quais se presta os serviços.
É preciso levar isto em conta quando se avalia otrabalho em equipe. Quando a sua equipe está acomodada e você percebe que a motivação para o trabalho em equipe está diminuindo e isto poder ser um sintoma de que outras áreas do negócio podem estar em crise pode haver efeitos desastrosos se não forem tomadas providências urgentes. Casos como este é essencial que os gestores e líderes compreendam como funciona o processo motivacional, pois quando nãohá uma adequada motivação para o trabalho em equipe são comuns a diminuição da produtividade, baixo desempenho, resultados reduzidos, atrasos, faltas, desculpas e rotatividade excessiva, pessoas melancólicas e irritadiças. Estes sintomas demonstram falta de motivação, uma espécie de “normose”, que nivela por baixo.
Então ou se faz algo rapidamente ou estes sintomas se espalham como uma doençacontagiosa. É importante desenvolver estratégias para prevenir, encontrar vacinas e antídotos para esta doença.
Há muita diferença entre movimento e motivação, mas os dois são importantes, cada um no momento apropriado. Movimentos podem ser produzidos fácil e rapidamente como quando um colaborador faz alguma coisa para evitar punição, ganhar uma competição ou uma recompensa, especialmente quando o...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • Hora complementar
  • horas complementares
  • horas complementares
  • Horas complementares
  • Horas complementares
  • Horas complementares
  • Horas Complementares
  • Horas complementares

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!