Hoje e amanha

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (283 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 5 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
14- Com base no texto, é correto afirmar:
a) A preferência do autor pelo modo indicativo,
empregado em todos os verbos do fragmento citado,
contribui para rejeitar oestado de embriaguez das
personagens.
b) Na frase "- Silêncio, moços! acabai com essas
cantilenas horríveis!", não há indicação de ordem,
especialmente porque overbo acabar está
empregado no modo indicativo.
c) O adjetivo macilento refere-se à obsessão feminina
pelo corpo esguio, apesar dos riscos de alguns
procedimentos,que podem levar à morte.
d) Em "não é a lua que lá vai macilenta: é o relâmpago
que passa e ri de escárnio às agonias do povo que
morre", o pronome relativo que retomaos
antecedentes lua, relâmpago e povo respectivamente.
e) Em "Não vês que as taças estão vazias e bebemos o
vácuo", o vocábulo vácuo exerce a função de sujeito
daoração.
15- Com base no texto, é correto afirmar:
a) O autor analisa as conseqüências da embriaguez com
forte apelo moral para a abstenção de bebida.
b) Esse trechosugere a imagem do "sono da
embriaguez" correlata à da morte, o que é reforçado
pela figuração de mulheres dormindo "ébrias,
macilentas como defuntos".
c) Os dadosde tempo e espaço estão claros no texto em
virtude do uso exaustivo das descrições. Além disso,
eles ainda definem as representações do contexto
histórico, político esocial de que deriva.
d) O trecho pressupõe uma aproximação com o leitor,
tratado por "moço", o que é indicativo da faixa etária a
que se destina a narrativa.
e) Notrecho, há muitos adjetivos referentes à bebida.
Trata-se de um recurso para influenciar o leitor, jovem
e em formação, e convencê-lo a se entregar ao
alcoolismo.
tracking img