Historiografia africana

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 4 (924 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de abril de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HISTORIOGRAFIA AFRICANA
Foi a partir dos meados do século XX que a África aparece na cena internacional. Por um lado devido as descobertas arqueológicas que revelaram as civilizações até entãodesconhecidas e devido aos processos das independências. Durante muito tempo, pensou-se que a África não tinha História, por exemplo: Hegel diz que a África não é uma parte da História do Mundo, pois elanão tem progresso, nem movimentos históricos próprios dela. Portanto, apenas a sua parte setentrional pertence ao mundo asiático ou europeu.
Aquilo, que entendemos pela África, é o espírito do nãodesenvolvimento, ainda em volta das condições morais e que deve ser apresentado apenas no início da História do mundo. Por seu turno, Eugéne Pittard, pensa que com a excepção do Egipto e da África donorte, o resto do continente nada fez de digno como desempenho histórico.
Porém, a historiografia africana pode ser explicada sobre vários ângulos, as chamadas correntes. Assim, existem três principaiscorrentes que tentam explicar a participação ou não dos africanos na reconstituição da História mundial a destacar:
Corrente Eurocentrista
Para estes, a África negra nunca participou nas páginas daHistória Universal. Esta abordagem é feita por historiadores e outros estudiosos que defendem a exploração e a pilhagem dos recursos naturais e humanos do continente africano durante as fases mercantile colonial. Para estes a participação africana na História Universal é dada pela África branca e dizem que ela constituiu o prolongamento da História da Ásia e da Europa.
Os eurocentristas defendemque a única marca da participação doa africanos na Historiografia Universal foi dada pelos negociantes sudaneses através do comércio Euro-Asiático que deram um grande contributo para o desenvolvimentoda Europa. É uma corrente marcadamente racista, pois defende a superioridade da raça branca sobre a raça negra e sustenta que os africanos não tinham História antes de estabelecerem contactos com...
tracking img