Historia

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3703 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
Gabarito – Caderno do Aluno

Língua Portuguesa

2a série – Volume 1

SITUAÇÃO DE APRENDIZAGEM 1 RINDO SE CRITICAM OS COSTUMES!

Para começo de conversa
Páginas 3-4

1. Alternativa c. 2. a) O texto associa o caviar às desigualdades econômicas e sociais do país. b) Há várias possibilidades de resposta, como: “Caviar é comida de rico”. 3. As respostas serão múltiplas, mas é interessanteque o professor interfira na discussão para complementá-las com algumas informações, como: • Em todos os gêneros publicados na imprensa falada e escrita, na literatura e

demais formas de arte. • A sociedade é múltipla e as opiniões, diversas. Há aqueles que percebem a

crítica e se identificam com a intenção do autor, aqueles que ficam indiferentes porque não chegam a percebê-las e aqueles quediscordam da crítica feita. • As comédias, as charges, as paródias são gêneros que atraem o público por

criticarem os costumes por meio do humor e da ironia. 4. Nenhum texto existe independente do contexto de produção. Todo texto é sempre escrito por alguém com uma determinada intenção em um tempo e lugar. Além disso, os textos são divulgados ao público fazendo uso de um veículo, um meio decomunicação. Tudo isso interage na produção do sentido. Por outro lado, interpretar pode ser um desafio, especialmente se levarmos em conta que todo texto se refere a uma realidade específica que pode não ser a nossa. Isso é o que ocorre com frequência com a obra literária. A literatura é cultura e nela se manifestam todos os temas: amor, ódio, dúvida, união. Os textos literários convidam-nos alançar o nosso olhar crítico sobre a sociedade em que vivemos. Há aqueles que procuram fazer-nos rir... e, com humor, criticam os costumes da sociedade.

1

Gabarito – Caderno do Aluno

Língua Portuguesa

2a série – Volume 1

Páginas 4-5

1. (V) O estilo de um texto é resultado de um modo de ver o mundo. (V) Consideramos estilo o conjunto de procedimentos linguísticos escolhidos pelo autorde um texto. (V) O estilo permite que o leitor reconheça um determinado autor ou uma época. (F) No decorrer da história da humanidade, os textos literários mantiveram apenas um único estilo: o artístico. (V) O estilo criado pelo autor para os textos que escreve permite ao leitor identificar quem o escreveu, já que o estilo produz o efeito de individualidade. 2. Período Portugal Medieval (final doséculo XII ao final do século XV) Clássico (século XVI ao XVIII)
Trovadorismo

Estilo de época Brasil


África lusófona


Humanismo
Renascimento ou Classicismo Barroco



— —

Quinhentismo

— —

Arcadismo ou neoclassicismo Moderno (a partir do final do século XVIII)
Romantismo

Realismo-naturalismo —
Parnasianismo

Formação da literatura: tendência

SimbolismoModernismo

romântica

2

Gabarito – Caderno do Aluno

Língua Portuguesa

2a série – Volume 1

Um juiz na roça: o ontem se fazendo presente
Página 6

3. Verifique orientações no Caderno do Professor. Leve em conta que a natureza dos problemas tem de mudar de questões rurais, envolvendo situações comuns ao campo, para situações mais urbanas.

Páginas 6-8

1. a) Ele é muito mandão enão está realmente interessado em resolver os problemas das pessoas, mas antes prefere se ver livre daqueles que vão até ele. Mais ainda, abusa do poder e ameaça as pessoas que não fazem o que ele quer. b) Verifique orientações no Caderno do Professor. 2. O Juiz teve de julgar a quem pertencia o filho da égua da mulher do senhor Francisco Antônio: se ao dono da égua ou ao dono do cavalo que aemprenhou. A discussão sobre a quem pertence o potro quase faz com que José da Silva vá parar no exército, servir como soldado.

Discussão oral
Página 8

Quando pensamos nos muitos casos que lemos, em jornais e revistas, hoje em dia, de pessoas que abusam do poder e da responsabilidade que têm, fazendo mau uso do seu cargo, podemos pensar que esse problema não é novo no Brasil. Martins Pena é...
tracking img