Historia do varejo

PONTO DE VISTA História do varejo
SILVIA LETÍCIA DE OLIVEIRA, SEM TÍTULO, 2003, AQUARELA S/ TELA

A história do varejo no Brasil acompanha os principais momentos da formação econômica e social dopaís. Inicialmente baseado no oferecimento de itens básicos de subsistência, o sistema vai se modernizando e se sofisticando até chegar aos modelos de grandes hipermercados e shopping centers. Narecapitulação dessa história, fica evidente a clara tendência de concentração do setor.

por Luís Fernando Varotto FGV-EAESP

história do comércio no Brasil, como não poderia ser de outra forma, estáintimamente ligada à história do povoamento da terra. A primeira forma de comércio de que se tem notícia em terras brasileiras existiu sob a forma do escambo. Era como os primeiros exploradores

Aarregimentavam a mão-de-obra indígena para a derrubada das imensas árvores de pau-brasil, nossa primeira riqueza, em troca de quinquilharias e bugigangas. O comércio propriamente dito nasce com asformações populacionais nas primeiras vilas litorâneas,

orientado quase que totalmente para a exportação, tendo como principal mercadoria o açúcar. A cultura da exportação é simultânea ao nascimentode uma sociedade baseada no latifúndio e no escravismo, estável, enraizada e permanente, porém voltada para fora.

86 • VOL.5 • Nº1 • FEV./ABR. 2006

O comércio se restringia, portanto, aosempórios de importação de escravos e manufaturas e de exportação de açúcar, e posteriormente ouro, pedras preciosas e outras poucas mercadorias. Em 1649 é criada pela Coroa Portuguesa a Companhia Geral doComércio do Brasil, que durou até 1720 e passou a monopolizar a venda de vinhos, azeites, farinhas e bacalhau. Era também responsável por organizar e escoltar as frotas comerciais que partiam do Riode Janeiro e Salvador com produtos brasileiros destinados a Portugal. Foram criadas posteriormente a Companhia Geral do Comércio do Grão Pará e Maranhão (1755) e a Companhia Geral do Comércio de...