Historia do cristianismo

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 56 (13775 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
1 - AVANÇOS E RETROCESSOS NAS RELAÇÕES ENTRE IGREJA E ESTADO (800-1054)

• - Reavivamento e divisão na Igreja
1.1.1 - Reavivamento no Ocidente
A Igreja Ocidental fortaleceu-se diante do Estado, embora continuasse espiritualmente fraca. Seguem fatores do fortalecimento do Sacro Império Romano. A Doação de Constantino - Documento onde o imperador ConstantinoI (306-337 d. C. teria doado ao Papa Silvestre I (314-335 d.C.) terras e prédios dentro e fora da Itália, durante o quarto consulado do monarca (315) – tornou-se a base legal para a propriedade de terras em nome do papa. Nicolau I foi o primeiro papa a usar das Falsas Decretais ou Decretais Pseudo-Isidorianas, que incluíam a Doação de Constantino, documentos autênticos ou forjados pelos papas de Romadesde o tempo de Clemente de Roma, a partir dos meados do século IX exerceram importante papel nas reivindicações do bispo romano à supremacia da Igreja. As Decretais aumentavam o poder do papa, colocando-o como líder da Igreja e, autorizando qualquer bispo a apelar diretamente ao papa, se em conflito com seu Arcebispo.
O poder do bispo romano também foi fortalecido pela aceitação do evangelhopelos povos escandinavos. O poder de Roma foi fortalecido no norte europeu.
A missa só poderia ser prestada através do sacerdote e, sendo o papa líder dos clérigos, teve seu poder aumentado. Por volta de 831, Pascásio Radberto, monge do mosteiro de Corbie, defendeu a ideia que hoje conhecemos por transubstanciação, aumentando ainda mais o poder do sacerdote e consequentemente o poder do papa.Com a implantação do mosteiro de Cluny, na França oriental, e sua expansão, com cerca de 1100 mosteiros sob liderança de seu abade, que trabalhava em harmonia com o papa, fortaleceu este ainda mais. Os cluniacenses lutavam por reformas na vida clerical e com o apoio de vários papas, pretendiam se livrar do controle político exercido na Igreja.
Nicolau I, papa entre 858 e 867, foi um dos maiscapazes, embora tenha havido vários corruptos ou incompetentes entre 800 e 1054. Foi bem sucedido demonstrando seu poder sobre bispos e governantes temporais em matéria de religião ou moral. Com a ascensão de Leão IX, teve fim a era de papas medíocres. Em 1059, Nicolau II, com auxílio de Humberto, Hildebrando, depois Gregório VII, a eleição do papa saiu das mãos da turba romana para o controle doslíderes eclesiásticos no Colégio dos Cardeais em 1059. A partir daí houve um grande avanço da influência do papado na política europeia.
1.1.2 - A origem da Igreja Ortodoxa grega
A Igreja Oriental jamais conseguiu ser independente como a Igreja Ocidental, que foi auxiliada pelo caos cultural da Idade das Trevas. Ao contrário desta a Igreja Oriental estava diante dos olhos do imperador e tinha quecompetir com a tradição greco-romana da cultura que fora preservada no Oriente na época da Idade das Trevas.
Diferenças entre as duas Igrejas motivaram sua separação e consequente origem da Igreja Ortodoxa grega.
Com a transferência da capital para Constantinopla, em 330, Constantino efetivou a separação política e depois, eclesiástica da Igreja em duas partes. Teodósio deu a administração daspartes oriental e ocidental do Império a diferentes chefes em 395 e com a queda do Império Romano no Ocidente, na última parte do Século V, essa divisão realizou-se completamente.
Os imperadores eram quase papas no Oriente e no Ocidente os papas eram quase imperadores.
Elas possuíam pontos teológicos controversos, no Oriente eles não aceitavam que o Espírito Santo provinha do Filho. O sacerdotetambém não podia raspar a barba. Uma série de controvérsias intensificavam as relações entre o Oriente e Ocidente.
Em 726, o Imperador do Oriente, Leão III, proibiu a genuflexão diante de imagens, e em 739 ordenou a destruição de tudo, exceto da bíblia, de dentro das Igrejas, visando limitar o poder dos monges e combater as acusações de idolatria feitas pelos muçulmanos, conservando apenas...
tracking img