Historia do brasil boris fausto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 92 (22841 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de outubro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Resumo História do Brasil (Boris Fausto) por Rafael Ávila
A Primeira República (1889-1930)
Os 15 anos após o 15 de Novembro foram de grande incerteza. Os representantes políticos das províncias
mais importantes (SP, MG e RS) desejavam uma República Federativa, que asseguraria um certo grau de
autonomia às unidades regionais. O PRP (SP) e os mineiros sustentavam o modelo liberal; osrepublicanos
gaúchos eram positivistas.
Deodoro da Fonseca se tornou chefe do governo provisório e algumas dezenas de oficiais foram eleitos para
o Congresso Constituinte. Havia rivalidades entre exército [artífice do novo regime] e a marinha [vista como
ligada à Monarquia]. Em torno de Deodoro estavam os tarimbeiros [veteranos da Guerra do Paraguai]. Estes
últimos não estavam ligados às idéiaspositivistas e acreditavam que o exército deveria ter um papel maior do
que daquele desempenhado no Império.
Partidários de Floriano Peixoto eram jovens oficiais que tinham freqüentado a escola militar. Por isso, eram
positivistas. Para eles, a República deveria ter ordem e progresso, ou seja, a modernização da sociedade
através da ampliação dos conhecimentos técnicos, do crescimento da indústria eda expansão das
comunicações. Porém, positivistas ou não, todos os militares posicionavam-se como adversários, ou seja,
contra a autonomia provincial e com um executivo forte.
No plano internacional, Argentina e EUA saudaram a República brasileira. Houve, neste período, um
deslocamento de eixo da diplomacia brasileira de Londres para Washington, especialmente com o Barão do
Rio Branco[1902-1912]. Depois de um tempo, e passada a euforia Brasil-Argentina, os dois passaram a
competir, especialmente na esfera comercial e de equipamento militar. O Brasil tratou de captar as simpatias
de nações menores, como Uruguai e Paraguai, e de aproximar-se do Chile. Tudo isso para bloquear a
influência Argentina. Rio Branco tentou, sem êxito, implantar o acordo do ABC [Argentina, Brasil e Chile). OBrasil entrou em choque com a Bolívia pela questão do Acre, subitamente valorizado pela questão da
borracha. A solução foi dada pelo Tratado de Petrópolis (1903), pelo qual a Bolívia reconheceu a soberania
brasileira na região em troca de 2,5 milhões de libras esterlinas.
A Primeira Constituição Republicana
O texto constitucional foi promulgado em 24 de fevereiro de 1824. A chave daautonomia dos Estados estava
presente no artigo 65 dessa nova constituição. Os Estados ficaram implicitamente autorizados a exercer
atribuições diversas, como as de contrair empréstimos no exterior [o que foi vital para que o governo paulista
colocasse em prática os planos de valorização do café] e organizar forças militares próprias. Além disso, deu
aos Estados exportadores a possibilidade dedecretar impostos sobre a exportação de suas mercadorias. A
organização da justiça também era atribuição dos Estados. A União, por sua vez, ficou com os impostos de
importação, com os direitos de criar bancos emissores de moeda e de organizar as forças armadas nacionais,
podendo inclusive intervir nos Estados para restabelecer a ordem e para manter a forma republicana
federativa.
A constituiçãoestabeleceu três poderes e o presidente seria eleito para um mandato de quatro anos.
Constitui-se a câmara dos deputados (eleitos em cada Estado, proporcional ao número de seus habitantes,
por três anos) e dos senadores, estes últimos não mais vitalícios (mandato de nove anos, três por Estado).
Para proceder às eleições, fixou-se o sistema do voto direto e universal (não mais por censo econômico).Eleitores eram cidadãos com mais de 21 anos (excluía-se analfabetos, mendigos e praças militares e, claro,
as mulheres).

O texto constitucional consagrou o direito dos brasileiros e estrangeiros residentes no país à liberdade, à
segurança individual e à propriedade. Extinguiu a pena de morte. Estado e Igreja se tornariam instituições
separadas. Os cemitérios passaram à administração...
tracking img