Historia de kaspar hauser

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 2 (301 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 7 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1 – Por que K.H. é visto com “diferente”, estranho pela sociedade da época?

R – Por que seu comportamento era estranho para os padrões sócio-culturais estabelecidos, isso causava ummisto de espanto e interesse.

2 – Por que K.H. não consegue captar o mundo como o faz a sociedade que o cerca?

R - Por que ele próprio se vê, de repente, num mundo estranho.3 – Por que K.H. não consegue atribuir significado as coisas, mesmo tendo adquirido a linguagem?

R – Por que ele se sente confuso e conhecendo as coisas somente pela linguagem nãoera suficiente.

4 – Por que K.H. passa a representar um incômodo?

R – Pois vê a realidade, que aos olhos dos outros estava tão bem ordenada, com outros olhos: os olhos“subversivos” que não aceitam os referenciais que a sociedade insiste em lhe impor, negando, de certa forma, a ordem social vigente.

5 – Como Blikstein define “realidade”?

R – Afirma que oque conhecemos como realidade é apenas uma ilusão, pois a práxis opera em nosso sistema perceptual, ensinando-nos a “ver” o mundo com os “óculos sociais” e gerando conteúdos visuais,tácteis, olfativos e gustativos que aceitamos como naturais.

6 – O que significa a afirmação (de vigotshy) “a relação do homem com o mundo não e uma relação direta”?

R – Significaque é uma relação mediada, sendo que os sistemas simbólicos são os elementos intermediários entre o sujeito e o mundo.

7 – K.H. passou pela práxis social? Em caso negativo, em queisso implica?

R – Não, em sua forma de comportamento abala os fundamentos da ilusão referencial, pois não “enxerga” a realidade da forma como os outros esperam.

8 – Em que épocaK.H. viveu? O que isso implica no resultado da investigação sobre K.H.?

R – Século XIX, foi um período marcado pela perspectiva positivista, evolucionista e desenvolmetista.
tracking img