Historia das artes

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 3 (541 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 20 de agosto de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
DISCIPLINA: História das Artes
PROFA.: Vanessa Madrona Moreira Salles
VALOR : 15 PONTOS
DATA: 26/08

SEMINÁRIO:
LIVRO:
COLI, Jorge. O que é Arte. 13. ed. São Paulo: Brasiliense, 1993(91).ATIVIDADE: Responder as questões abaixo:

INTRODUÇÃO
1. O que o autor quer dizer quando afirma que “se a arte é noção sólida e privilegiada, ela possui também limites imprecisos” (p.10)
2. Nossacultura estabelece instrumentos para decidir o que é ou não arte. Um deles é o discurso sobre o objeto artístico. Explique-o.
3. Apresente um exemplo do uso do discurso como elemento de determinaçãosobre o que é arte.
4. Um outro instrumento para determinar o que é arte em nossa cultura são os locais de exposição/exibição. Explique e exemplifique.

A INSTAURAÇÃO DA ARTE E OS MODOS DO DISCURSO5. Qual o sentido antigo de obra-prima e qual o sentido novo e quais os critérios para avaliá-las?
6. Por que a autoridade do discurso competente não é segura?
7. Quais os problemas do critério doconsenso crítico para estabelecer o que é arte?
8. Qual a diferença entre o crítico de arte e o historiador?
9. Caracterize a idéia de estilo e discorra acerca do que pode ser vantajoso e do quepode ser problemático na atitude de encaixar a totalidade da produção artística em categorias estilísticas. Sobre os esforços da história da arte para se conseguir um rigor maior através da idéia deestilo, faça um contraponto entre os de Wölfflin, de Focillon e de d´Ors em fazê-lo.
10. Formule uma questão diferente das anteriores

ARTE PARA NÓS
11. Comente: a idéia de arte não é própria atodas as culturas A nossa possui uma maneira específica de concebê-la. P.64
12. Discutir a questão da manutenção da sobrevivência material dos objetos artísticos.
13. Formule uma questão diferente dasanteriores

NÓS E A ARTE
14. Quais são os dois registros diferentes que alimentam a obra de arte? Pense exemplos.
15. O objeto artístico reduz-se à gratuidade; esvaziado de toda função, ele...
tracking img