Historia da riqueza do homem

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 5 (1137 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 9 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
CAP. 11 – “Ouro, grandeza e glória” p. 118. - O mercantilismo não constituiu um sistema. “O mercantilismo não era um sistema no atual sentido da palavra, mas antes um número de teorias econômicas aplicadas pelo Estado em um momento ou outro, num esforço para conseguir riqueza e poder” p. 119. - A questão era saber o que tornava um país rico. Estaria nos tesouros recebidos da colônia? Seriam osmetais ‘preciosos? “A posse de ouro e prata, portanto, o total de barras que um país possuísse, era o índice de sua riqueza e poder. A maioria dos autores da época apega-se à idéia de que um país rico, tal como um homem rico, deve ser um país com muito dinheiro; e juntar ouro e prata num país deve ser a mais rápida forma de enriquecê-lo” p. 119. “A Espanha foi, no século XVI, talvez o mais rico epoderoso país do mundo” p. 119. - Por causa dessa crença, a conseqüência mais óbvia foi baixarem “leis proibindo a saída desses metais” p. 120. Entra em cena a política da balança comercial favorável. Era preciso vender bastante para que metais externos pudessem ser adquiridos. Vender mais do que comprar. “Os países poderiam aumentar sua reserva de ouro dedicando-se ao comércio exterior” p. 121.“Fazia parte do pensamento mercantilista a crença de que as colônias eram outra fonte de renda para a metrópole. Baixaram-se, portanto, leis proibindo aos colonos iniciar qualquer indústria que pudesse competir com a indústria da metrópole” p. 128. “A chave para compreender o atrito surgido entre a metrópole e as colônias está no fato de que enquanto a metrópole julgava que as colônias existiam paraela, estas julgavam que existiam para si mesmas” p. 129. “Era por estarem sempre em dificuldades monetárias que os governos davam tamanha importância ao amontoamento de metais preciosos. E como acreditavam também que o tesouro podia ser obtido pelo comércio, era natural considerarem os interesses do Estado e da classe de mercadores ou comerciantes como idênticos. Foi assim que o Estado tomou comosua tarefa principal o apoio e estímulo ao comércio e a tudo que se relacionasse com ele” p. 130. “Foi pelo comércio que o Estado se tornou grande, e conseguiu sua cota na expansão dos negócios e territórios. O mercantilismo era o regime dos mercadores” p. 130. “Os mercantilistas acreditavam que, no comércio, o prejuízo de um país era lucro de outro – isto é, um país só podia aumentar seu comércio aexpensas de outro [...] Não consideravam o comércio como algo que proporciona benefício mútuo” p. 130. “Vemos que a crença de que não há nada mais importante e necessário para o bem geral do Estado do que a redução do comércio e indústria de um Estado rival só poderia levar a uma coisa: a guerra. O fruto da política mercantilista é a guerra. A luta pelos mercados, pelas colônias – tudo issomergulhou as nações rivais numa guerra após outra” p. 131

A HISTÓRIA DA RIQUEZA DO HOMEM (by Maria Claudia)

(Leo Huberman)

Capítulo 11: “Ouro, Grandeza e Glória”
-O que faz a riqueza de um país?Acumulação de tesouros/Estímulo à indústria/Migração de
Trabalhadores/Riqueza pelo transporte marítimo./Colônias/A Política Mercantilista.

O mercantilismo era um conjunto de teorias econômicasaplicadas pelo Estado, num
esforço para conseguir riqueza e poder, lembrando que neste momento o conceito de riqueza
está relacionado ao acúmulo de ouro e prata. Em harmonia com essa teoria, os governos
baixaram leis proibindo a exportação desses metais, incluindo até bandejas, vasilhas, jóias,
sem a autorização do rei.
Para os países que não dispunham de minas, seja em suas fronteiras ou atravésde colônias,
os mercantilistas ofereceram a opção da balança comercial favorável, a qual consistia na
dedicação ao comércio exterior, observando a seguinte regra: vender mais e comprar menos,
exigindo-se que o valor das exportações fosse pago uma parte em mercadoria(em especial
as que não eram produzidas no país exportador) e a outra paga, necessariamente, em outro e
prata.
Adotar o...
tracking img