Hipofise

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 7 (1503 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 6 de junho de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
A GLÂNDULA HIPÓFISE OU PITUITÁRIA
A hipófise, também chamada de glândula “mestra” do organismo, é um órgão pequeno, tendo no homem o volume de uma pequena noz, pesando por volta de 0,6g. Fica localizada na sela túrcica abaixo do cérebro, separada do crânio por uma delgada membrana, a tenda da hipófise ou diagrama hipofisário, unindo-se ao hipotálamo pela haste hipofisária (ou haste pituitária).Do ponto de vista fisiológico, a hipófise é formada por duas partes: A hipófise anterior ou adeno-hipófise e hipófise posterior. Entre elas existe uma pequena zona conhecida como parte intermediaria. As duas porções da hipófise originaram-se de fontes diferentes, a hipófise anterior da bolsa de Rathke (a qual constitui uma invaginaçao embrionária do epitélio faríngeo) e a hipófise posterior deuma saliência do hipotálamo. A hipófise desempenha funções extremamente importantes, porque regula o crescimento, o metabolismo dos hidratos de carbono, gorduras e proteínas, assim como o desenvolvimento e manutenção anatômica e funcional da principais glândulas de secreção interna (gônadas, tireóides e córtex supra rena); além disso atua no mecanismo de controle da diurese e da ejeção láctea.Função da Hipófise Posterior
O lobo posterior da hipófise secreta apenas dois hormônios: o hormônio antidiurético e a ocitocina. Na realidade, esses hormônios são produzidos por células nervosas do hipotálamo. Essas células nervosas possuem projeções (axônios) que se estendem até a hipófise posterior, onde os hormônios são liberados. Ao contrário da maioria dos hormônios hipofisários, o hormônioantidiurético e a ocitocina não atuam estimulando outras glândulas endócrinas. Os seus excessos ou deficiências afetam diretamente seus órgãos-alvos. O hormônio antidiurético (também denominado vasopressina) promove a conservação da água pelos rins. Ele auxilia o organismo na retenção de uma quantidade adequada de água. Quando um indivíduo encontra-se desidratado, receptores especiais localizados nocoração, nos pulmões, no cérebro e na aorta estimulam a hipófise a produzir mais hormônio antidiurético.
As concentrações séricas dos eletrólitos (p.ex., sódio, cloreto e potássio) devem ser mantidas dentro de limites estreitos para que a função celular seja normal. As - concentrações altas de eletrólitos, as quais são detectadas pelo cérebro, estimulam a liberação desse hormônio. A dor, a tensão,o exercício, a concentração sérica baixa de açúcar, a angiotensina, as prostaglandinas e determinados medicamentos (p.ex., clorpropamida, medicamentos colinérgicos e medicamentos utilizados no tratamento da asma e da enfisema) também estimulam a liberação do hormônio antidiurético. O álcool, determinados esteróides e algumas outras substâncias suprimem a produção do hormônio antidiurético. Afalta desse hormônio acarreta o diabetes insipidus, uma condição na qual os rins excretam água em excesso. Algumas vezes, o hormônio antidiurético é produzido em excesso. Isto ocorre na síndrome da secreção inadequada do hormônio antidiurético, na qual a concentração de hormônio antidiurético encontra-se excessivamente elevada, provocando a retenção de água e a redução da concentração sérica de algunseletrólitos (p.ex., sódio).
A síndrome da secreção inadequada do hormônio antidiurético ocorre em indivíduos com insuficiência cardíaca e, em casos excepcionais, naqueles que apresentam uma doença hipotalâmica. Algumas vezes, o hormônio antidiurético é produzido fora da hipófise, sobretudo por alguns cânceres pulmonares. Por essa razão, quando o médico detecta uma concentração sérica elevada dehormônio antidiurético, ele deve investigar a função da hipófise e a presença de um câncer. A ocitocina provoca a contração uterina durante e imediatamente após o parto para impedir o sangramento excessivo. Ela também estimula a contração de certas células das mamas que circundam as glândulas mamárias. A sucção do mamilo estimula a hipófise a liberar a ocitocina. As células das mamas contraem,...
tracking img