Hipnose scripts

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1770 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de março de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HIPNOSE, PADRÕES DE LINGUAGEM E SCRIPTS: são a mesma coisa?

“As pessoas tomam as palavras que voce lhes oferece e as relacionam à sua própria experiência pessoal”. - Bandler Tudo começou quando me deparei com um manual entitulado Psicologia, PNL e hipnose aplicada a sedução. Eu já estudava hipnose tempos antes de começar a estudar sedução e vi uma coisa que me deixou maluco. Onde estava ahipnose que o livro falava? Hipnose é a arte de pôr as pessoas em estado de inconsciência, similar ao sono, onde se pode se aproveitar disso e fazer com ela o que quiser, que depois ela nem vai se lembrar. Bem, pelo menos é assim que a maioria das pessoas pensam sobre o que seja a hipnose. Mas não havia nada disso no livro. Mas ficou uma questão: onde estava a hipnose que o manual tanto enfatizava? Sóhavia referencia aos padrões de linguagem (que são, ao contrario do que muitos imaginam, expressões que eliciam determinadas respostas, tais como tag-questions, etc. comandos embutidos) e uns textos longos e chatos que serviam para se dizer a uma mulher, e que foram chamados de scripts. Ou seja, nada de hipnose. Fiquei perplexo, procurando a tal hipnose que o livro dizia possuir, até que então,quase um ano depois a ficha caiu: aqueles scripts eram a tal hipnose que o titulo do livro dizia! Podem supor que foi por ignorância minha, talvez tenha sido mesmo, mas juro que só fui notar isso em novembro de 2005, quando escrevi o tópico citado. Parte dessa duvida já tinha sido esclarecida quando adquiri os livros Modernas tecnicas de persuasão e Terapia não convencional. Sempre chamaram os PLde padrões de linguagem hipnótica, o que sempre causou-me confusão, pois entendia hipnose como apenas indução de transe. Mas ao ver esses mesmos padrões sendo usados para persuasão, que não é o mesmo que hipnose, notei uma contradição. Essa contradição só foi resolvida quando entendi que Erickson, redefiniu toda a hipnose, fazendo uma verdadeira revolução no campo da psicoterapia, que mais tardeculminaria na Programação Neurolinguística. Para ele, a hipnose seria qualquer conversação (veja o tópico O Melhor livro de sedução...). Nesse ínterim comecei a aprender hipnose segundo os modelos ericksonianos e pensava em ser psicoterapeuta.Depois Haley elucidou a questão de uma vez por todas: “Na verdade, Erickson fez mais um trabalho de persuador que de hipnólogo. A hipnose de Erickson se parecemais com persuasão”. No começo, achei empolgante, pois eu via aqueles scripts como

exemplos do uso da hipnose que Jeffries e os outros haviam utilizados com as gatas que seduziram. O conhecimento acerca dos scripts só veio a ampliar a minha visão acerca do que é a hipnose e como induzila em uma pessoa (coisa que eu já sabia, relativamente, fazer...). Então notei que havia uma tremendaconfusão, não apenas neste fórum, mas talvez em todo o mundo, onde pessoas confundem hipnose com PL e com scripts, mutuamente. A verdade é que não são a mesma coisa: Hipnose é o ato de levar as pessoas a estados alterados de consciência. Tem mais a ver com estados mentais; Já os padrões de linguagem são o termo que os hipnoterapeutas usam para eliciar respostas. Vc pode usar, por exemplo, tag-questions,para fazer uma pessoa responder positivamente. Ou um truísmo, para fazer uma lavagem cerebral nela. Mas isso não é hipnose, não induz por sua essência a transes hipnóticos. Mas mesmo assim pode ser usado numa indução, tal como o próprio Erickson e Bandler faziam: “Você pode notar a pressão de suas costas na cadeira, de suas mãos sobre a mesa e de sua resporação, enquanto sente que está seaprofundando ainda mais nesse transe”. Isso foi um exemplo de uma indução (hipnose), misturada com transições (PL), truísmos (PL) incicação de espelhamento (PL+scripts), etc. Até mesmo um sotaque é um padrão de linguagem. Bandler e Grinder os intitularam assim pq todos achavam que Erickson conseguia seus grandes resultados por uma coisa que ninguém sabia explicar. Aí Bandler e Grinder descubriram que a...
tracking img