Hipertexto

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 11 (2615 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 27 de fevereiro de 2013
Ler documento completo
Amostra do texto
HIPERTEXTO¹


Adriana Teixeira PEREIRA²
Marielly Morais MOREIRA


RESUMO

O objetivo deste trabalho é apresentar as duas vertentes de hipertexto hoje intensamente discutidas. O hipertexto como uma inovação tecnológica ou mesmo anterior ao nome hipertexto. Sob base nas concepções de Koch eXavier. Tentando mostrar-se flexível para ambas as concepções. Procura-se demonstrar neste artigo sua origem, suas bases epistemológicas e histórico-tecnológicas e suas características que o tornam hipertexto ou não, com base na questão da não linearidade da leitura. Voltando-se para exemplos do cotidiano, como textos bíblicos, textos impressos de revistas, e o uso da internet, na forma de links. Aanálise é feita favoravelmente sob esses exemplos na tentativa de esclarecer as duas concepções.


INTRODUÇÃO

Estamos em plena avalanche de inovações tecnológicas, o homem com a sua capacidade criadora tem cada vez mais revolucionado o seu dia-a-dia com mp7, máquina digital, computador, internet, dentre outros.
Diante de tudo isso, percebemos mudança no comportamento lingüístico,cognitivo e social manifestado por usuários dessas inovações tecnológicas. Talvez, a maior delas seja a internet cuja importância é crucial para o presente século visto que a internet fosse retirada subitamente, o prejuízo que nós teríamos seria incalculável.
Em meio a tantas criações, agora se voltando especificamente para a lingüística, os pesquisadores perceberam o surgimento de gênerosde modos enunciativos, de tipos de páginas, e de muitos outros. Nasce daí, a enunciação digital e ela “abre-alas” para o hipertexto. Todavia, o objetivo do nosso artigo é apresentar duas vertentes do hipertexto, que procuram defini-lo.
A noção de hipertexto é visto como um sistema de leitura não linear, de uma forma de visualização de informações, cujos documentos contêm referências internaspara outros documentos, isso tudo com base nos links, que vão inserindo novas informações ao texto suporte.
O foco de nosso trabalho está voltado para essa grande discussão, sob essa perspectiva que se situa entre duas versões confluentes; de um lado a que defende que todo texto é hipertexto (Koch, 2003) e a outra que é uma nova forma de realidade lingüística textual total e exclusivamentevoltada para a internet (Xavier, 2002).
O hipertexto assim seria, ou procuramos expor neste trabalho, um suporte lingüístico-semiótico textual intensamente utilizado, que torna a leitura não seqüencial e não linear. Antes, porém, apresentaremos uma breve análise epistemológica e histórico-tecnológico do hipertexto.


METODOLOGIA

Para chegarmos ao devido trabalho apresentado noscercamos de fontes de leitura de autores renomados com Koch e Xavier. Foi-nos ainda fornecido pelo professor Júlio César Araújo, docente da Universidade Federal do ceará, sites que discutiam acerca do hipertexto.
Diante da base teórica já estabelecida e estudada, focamos na procura de exemplos que esclareceremos ambas as perspectivas. Foi coletado um texto pessoal de um blog de uma alunade dezoito anos, Ana Beatriz Souto, escrito dia quinze de novembro de depois mil e sete, sob o tema “desenhos de infância”. Buscamos ainda fragmentos de textos bíblicos que representam formas de não linearidade e, para exemplificar acerca da multissemiose, utilizamos uma página da revista Veja datada em dois de abril de dois mil e oito. Em se tratando da (hiper) intertextualidade, imprimimos páginada wikipédia para demonstrar a importância do link com facilitador da intertextualidade, a deixando mais concreta, direta e instantânea, bastando um click através do mouse sobre o link desejado para se ter acesso à nova página.
Para levantar o nosso acervo de pesquisas nos reunimos durante um mês nas segundas e quartas pela manhã de nove às dez e durante a tarde de quinze às dezesseis....
tracking img