Henri wallon

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas: 8 (1970 palavras)
  • Download(s): 0
  • Publicado: 8 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Henri Wallon nasceu em Paris a 15 de junho de 1879 e faleceu em dezembro de 1962. Foi médico, psicólogo e educador. Sua biografia apresenta o perfil de um homem que buscou integrar a atividade científica à ação social. Presidiu a Escola-Nova durante anos e realizou pesquisas numa tentativa de integrar a área psicológica à neurológica, acrescentando o aspecto social, desenvolvendo uma verdadeirainterdisciplinariedade no estudo do comportamento (Cruz & Pain, 1983; Galvão, 1995).
Suas pesquisas e observações de centenas de crianças em situação escolar e, em situação hospitalar, assim como de adultos feridos na guerra, levaram-no a formular o desenvolvimento em etapas, a saber: vida intra-uterina, nascimento (impulsiva-emocional); tônico-emocional; sensitivo-motor, fase projetiva;personalística; escolar ou categorial e puberdade e adolescência.
Conforme dito anteriormente, ocorre uma alternância dos campos funcionais no decorrer dos estágios entre a afetividade e a cognição. A primeira especialmente implicada na construção do sujeito predomina nos estágios impulsivo-emocional, tônico-emocional, personalística e na puberdade e adolescência. Já a cognição especialmente implicada naconstrução do mundo, apresenta-se predominantemente nos estágios sensitivo-motor e escolar ou categorial.
Assim, nos estágios impulsivo-motor, tônico-emocional, personalístico, puberdade e adolescência, o recurso predominante na relação com o meio é o afetivo-emocional e o vínculo estabelecido é com o outro. Nos estágios sensitivo-motor e escolar ou categorial o recurso predominante na relação como meio é a cognição e o vínculo preferencial é com o mundo (Brétas, 2000).
Ao longo do desenvolvimento, alternam-se as funções elaborativas de construção do Eu e do Mundo. Ora, o desenvolvimento, está dimensionando a subjetividade; o que indica uma orientação centrípeta deste, ora encontra-se dimensionando o mundo externo, físico, objetivo; o que indica um orientação centrífuga dodesenvolvimento.
A visão de tal processo em Wallon, é dialética; não há soberania entre as dimensões da pessoa completa por ele concebida. Assim, compreendemos a alternância funcional como uma qualidade de investimento do sujeito e de suas elaborações, cujo sentido flui e reflui ora para o eu da pessoa (centrípeto), ora par o não-eu desta (centrífugo). A afetividade move-se a serviço da cognição e a cogniçãomove-se a serviço da afetividade e ambos concorrem para a formação da pessoa. Brétas esclarece este mecanismo construtivo:
Ao fato dos recursos alternarem-se entre si durante o processo, dá-se o nome de alternância funcional. Essa alternância significa que as aquisições e construções de cada uma das etapas não se perdem mas vão sendo incorporadas e vão se integrando, trazendo inúmeras e novaspossibilidades para as relações da criança com o outro e com o mundo físico dos objetos. As funções recentemente adquiridas têm supremacia sobre as mais antigas mas não as fazem desaparecer, apenas exercem controle sobre eles, integrando-os. Essa é a chamada integração funcional (2000, p. 39).
Conforme observa Dantas (1983), na evolução do indivíduo, na visão de Wallon, constata-se a simultaneidadedos progressos intelectuais e mudanças operadas no domínio da personalidade. Além do mais, vale ressaltar que para Wallon (1951), o meio mais importante para a formação da personalidade não é o meio físico, mas o meio social.
Sob tal perspectiva, compreendemos que a Educação Psicomotora deve visar, antes de tudo, as funções comunicativas-afetivas-sociais (motricidade de relação) dos movimentos deseus sujeitos, ou seja, privilegiar a interação educador-educando e educando-educando em nível psicomotor, através de gestos, atitudes e posturas que instauram um verdadeiro diálogo corporal apreendido nas formas sensório-motoras e intuitivo-emocionais.
A primeira função do movimento, apontada por Wallon em sua psicogenética no estágio tônico-emocional é a de promotora do vínculo social. O...
tracking img