Guia de incertezas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 213 (53023 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de maio de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Primeira Edição Brasileira do

Guia EURACHEM / CITAC
Determinando a Incerteza na
Medição Analítica
Segunda Edição

Editores
S L R Ellison (LGC, UK)
M Rosslein (EMPA, Switzerland)
A Williams (UK)

Composição do Grupo de Trabalho

Agradecimentos
Esse documento foi produzido primariamente por um
Grupo de Trabalho do EURACHEM/CITAC, com a
composição mostrada ao lado. Os editoresestão
agradecidos a todos esses indivíduos e organizações
e a outros que contribuíram com comentários,
assistência e aconselhamento.
A produção desse guia foi em parte patrocinada pelo
Departamento de Indústria e Comércio da GrãBretanha, como parte do Programa de Medição
Analítica Válida (VAM) do Sistema Nacional de
Medição.

Membros
do
EURACHEM
A Williams Chairman
UK
S EllisonSecretary
LGC, Teddington, UK
M Berglund
Instituto para Materiais de
Referência
e
Medições,
Bélgica
W Haesselbarth
Bundesansfalt
fur
Materialforshung
und
Prufung, Alemanha
K Hedegaard
EUROM II
R Kaarls
Instituto
de
Medição
Holandês, Holanda
M Mansson
Instituto Nacional da Suécia
de Pesquisa e Ensaio (SP),
Suécia
M Rösslein
EMPA, St. Gallen, Suiça
R Stephany
Instituto Nacionalde Saúde
Pública e Meio Ambiente,
Holanda
A van der Veen
Instituto
de
Medição
Holandês, Holanda
W Wegscheider
Universidade de Mineração e
Metalurgia, Leoben, Austria
H van de Wiel
Instituto Nacional de Saúde
Pública e Meio Ambiente,
Holanda
R Wood
Agência de Padrões de
Alimentos, UK
Membros CITAC
Pan Xiu Rong
Diretor, NRCCRM, China
M Salit
Instituto nacional de Ciência
eTecnologia, EUA
A Squirrel
NATA, Austrália
K Yasuda
Hitachi Ltda., Japão
Representante AOAC
R Johnson
Serviços
Analíticos
de
Agricultura,Químico, Texas,
EUA
Jung-Keun Lee
U.S. F.D.A., Washington
D Mowrey
Eli Lily & Co., Greenfield,
EUA
Representantes IAEA
P De Regge
IAEA, Viena
A Fajgelj
IAEA, Viena
Representante EA
D Gallsworth
UKAS,UK

coordenado pela SociedadeBrasileira
de Metrologia.
Comissão de Revisão
Hélio Lionel

Coordenador do projeto
.Membro do Conselho
Deliberativo da SBM e
Diretor da QMOL –
Qualidade, Metrologia,
Química e Avaliação de
Laboratórios Ltda.

Albert Hartmann

Millenium Chemicals

Eli Lionel

Sócio-estudante da SBM

Gilberto Oliveira
Gomes

SBM- Secretário Executivo

Jorge Reis Fleming

Centro de Pesquisas deEnergia Elétrica (CEPEL)/
ELETROBRAS

Kikue Higashi

Sócio da SBM e Aposentada
da Fundação Estadual de
Meio Ambiente do Estado
do Meio de janeiro - FEEMA

Lúcia Menezes P.
Damasceno

Laboratório de
Doping/IQ/UFRJ

Suzana S. de Moura Divisão de
Credenciamento/INMETRO
Tarcísio Pereira da
Cunha

Laboratório de
Doping/IQ/UFRJ

Vanderléa de Souza Divisão de
Química/INMETRO.
.
.
Apoio

Tradução do documento
Este guia foi traduzido com os
recursos do Projeto CNPq “ Formação
de Instrutores e Multiplicadores em
Áreas Estratégicas de Metrologia,
Normalização e Qualidade (Processo
Institucional
680147/00-4)
,
QUAM:2002 – Versão Brasileira

Sociedade Brasileira de Metrologia
(SBM);
Conselho
Nacional
de
Desenvolvimento
Cientifico
e
Tecnológico(CNPq);
Serviço Nacional de Aprendizagem
Industrial (SENAI);
Qualidade, Metrologia, Química e
Avaliações de Laboratórios Ltda.
( QMOL)
2

QUAM:2002 – Versão Brasileira

3

Guia EURACHEM/CITAC :Determinando a Incerteza nas Medições Analíticas
CONTEÚDO
INTRODUÇÃO À SEGUNDA EDIÇÃO
1. ESCOPO E CAMPO DE APLICAÇÃO
2. INCERTEZA
2.1 DEFINIÇÃO DE INCERTEZA
2.2 FONTES DE INCERTEZA
2.3COMPONENTES DA INCERTEZA
2.4 ERRO E INCERTEZA

3. MEDIÇÃO ANALÍTICA E INCERTEZA
3.1 VALIDAÇÃO DE MÉTODO
3.2 CONDUÇÃO DE ESTUDOS EXPERIMENTAIS DE DESEMPENHO DE MÉTODO
3.3 RASTREABILIDADE

4. O PROCESSO DE ESTIMATIVA DA INCERTEZA DE MEDIÇÃO
5. ETAPA 1. ESPECIFICAÇÃO DO MENSURANDO
6. ETAPA 2. IDENTIFICANDO AS FONTES DE INCERTEZA
7. ETAPA 3, QUANTIFICANDO INCERTEZA
7.1

INTRODUÇÃO

7.2...