Guarnições de fiação

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2915 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 26 de abril de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
1. Titulo:
Guarnições
2. Objetivo:
Conhecer os tipos de guarnições utilizadas na indústria têxtil.
3. Introdução
Definição: È a cobertura usada nas superfícies cardantes ou estripadoras da carda, a qual possibilita a esses órgãos o cumprimento de sua ação de cardagem e estripagem.
Seleção de guarnições

Os seguintes parâmetros são essenciais para determinar o tipo deguarnições:

- Matéria prima

- Produção

- Processo de fiação (open-end, cardado ou penteado)

Tipo de guarnições

- Elástica para cilindro ou Doffer
- Rígida para cilindro e o Doffer
- Não stripping
- Semi rígida
- Elástica para rolos cardadores e limpadores das cardas de rolo
- Para Flats
- Para Taker-in
- Rígida para rolos retiradores
-Rígida para “cardmaster”Guarnição elástica para cilindro ou Doffer

È uma fita de couro ou tecido especial, em que se acham inseridas pontas metálicas iguais e uniformemente distribuídas. Hoje em dia, porém não é muito utilizado pelo fato do couro ser caro e irregular.
A base é formada pela superposição de vários tecidos de diferentes fibras sendo unidos por uma cola especial. O critério utilizado para a composição dostecidos depende do fabricante e o fim que se destina a guarnição.
Exemplo
Primeiro tecido: Urdimento e trama de algodão
Segundo tecido: Urdimento de linho e trama de lã
Terceiro tecido: Urdimento de algodão e trama de lã
Quarto tecido: Urdimento de algodão e trama de algodão
Sendo necessário apresentar as seguintes características: resistência, espessura e flexibilidade.
Abase é cortada na largura que se destina: para o grande cilindro 2 polegadas e doffer 1,5 polegadas.
As puas da guarnição podem ser feitas de aço doce ou temperado. As puas de aço temperado apresentam maior resistência em relação as fibras, exigindo menos manutenção (esmerilhagem).
Elas podem ser feitas de arame circular, elíptico, retangular ou triangular, porém para melhor eficiência utilizaarame redondo que oferece maior resistência na base e no local onde ocorre a cardagem, depois de chanfrado nos dois lados, fica fino e ideal para a ação de cardar.
O diâmetro do arame empregado na fabricação das guarnições é determinado em função da tensão exercida pelas fibras sobre as pontas separadamente e levando-se em consideração a sua qualidade.
A distribuição das puas pode formardiversos desenhos nas costas da base, que é uma combinação da forma diagonal com a longitudinal. Nas guarnições normais cada costela, tem três carreiras de puas e nas especiais cinco carreiras. O número de costelas pode variar.
Sendo aplicada para fibras de algodão, lã, amianto, bem como para as fibras naturais moles.
Titulação

A grossura da guarnição é expressa pela densidade do conjunto depuas. Quanto maior é o numero de puas por unidade da superfície maior é a capacidade de ação da mesma.

Título da guarnição

Número de puas por polegada quadrada

2,5

Ou Número de pontas por polegada quadrada

5

Guarnição rígida para cilindro e o doffer

Fabricada de aço com alto teor de carbono e tem como principais características desenho da guarnição dacarda e o desenho do arame metálico.
Ao se desenhar o arame metálico deve considerar variações como a forma do dente, passo do dente, ângulos, profundidade, altura total, espessura da costela, densidade, etc.
Os aspectos principais do desenho do arame podem ser classificados como segue:
-Perfil do dente
-ângulos do dente
-População

Perfil do dente do Grande Cilindro
Duascategorias principais que proporciona características diferentes de cardagem e as mesmas precisam estar em mente quando do desenho de um arame de cilindro para uma aplicação particular são elas do tipo A que pode ser descrito como um perfil em pino e tipo B como um perfil em serra.
[pic]
Figura 1: Perfil em Pino / Perfil em Serra

Tipo A proporciona muito boa penetração na fibra e...
tracking img