Grunge

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 12 (2785 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 13 de junho de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Grunge é um movimento musical, derivado do Rock, que nasceu nos finais dos anos 80 e desenvolveu-se nos anos 90 no estado norte-americano de Washington, especialmente na cidade de Seattle, sendo popularizado no Mundo através dos Nirvana. É constituído por temas como alienação social, apatia, desejo de liberdade e rebeldia. Ao contrário das outras vertentes do rock, o Grunge adoptou um caminhomais desleixado, preferindo o aspecto sujo e quase que selvagem, eternizado por Kurt Cobain e na sua complexa relação amorosa com Courtney Love
look Grunge, o modo com te vestes é o modo como te apresentas ao Mundo, como mostras a tua identidade, personalidade e gosto musical: tudo isto se reflecte no teu vestuário. Retirando inspiração das letras das músicas, a moda Grunge reflecte o inconformismocom a sociedade, o anseio por liberdade e especialmente, o não querer saber. É um estilo meio "sujo", deslavado, rasgado, agressivo sem chegar ao extremo do Punk, desapegado.
o Para os rapazes: Cabelos compridos, selvagens, pouco cuidados, é o penteado mais popular entre o movimento, pois demonstra desapego da sociedade consumo; podes inclusive cortar o teu cabelo em casa, seria hipócritadefender o desapego da sociedade e frequentar cabeleireiros. Assim como comprar roupa cara e de marca é uma hipocrisia. Este é um movimento que fica bastante económico, diga-se de passagem. Casacos militares, casacos e blusões de cabedal e blusões de ganga. Calças de ganga rasgadas, calças pretas, calças justas, calças largas, camisolas de cores escuras (lisas, sem estampados), camisolas de bandas,camisas de flanela são essenciais (com padrão tartan escocês, com ar desgastado). O calçado mais popular no movimento inclui Converse All Stars, Doc Martens e botas de couro. Os óculos de sol também têm a sua parte integral na moda Grunge, Kurt Cobain usava o modelo Jackie O(grandes, arredondados, de massa e brancos), o modelo de óculos Windsor (iguais aos de John Lennon e Ozzy Osbourne) também épopular no movimento.

A subcultura emo está associada com emocore (punk/rock sentimental, a própria palavra “emo” deriva da palavra inglesa “emotion”, que significa “emoção” para os menos experientes em inglês) mas também se expande ao visual, comportamento e perspectivas de vida. Mas se emo não combina contigo nem sequer tentes, será considerado poser ou wannabe e acredita que não existe nadapior do que isso! Um estilo deve fluir da tua personalidade e não porque está na moda.
Apreciar música emo. Emo é um género de música rock/punk, com líricas emocional ou opcional screamo. Hawthorne Heights é um exemplo de banda emo, aconselho a todos. Ao longo dos anos este género musical manteve-se underground mas actualmente está bastante popular com a aparição das famosas bandas My ChemicalRomance e 30 Seconds to Mars. As líricas das músicas, são na opinião de muitos, “queixosas” e “sentimentais”. Ouçam bandas emo (ATENÇÃO: Tokio Hotel não é uma banda emo) podem até considerar começar a aprender a tocar guitarra ou baixo. Tentem também violino, se investires um bom tempo nesse instrumento começaras a aperceber-te que em canções sentimentais o som do violino é muito emo! A bateriatambém pode ser considerada um bom instrumento. Podes até começar a escrever líricas e criar as tuas próprias canções através de poesia. O estilo e a música andam sempre interligados no estilo emo;
3. Vestir emo. Após teres descoberto que és um emo verdadeiro, começa a comprar um novo guarda-roupa. A moda emo tem inspirações de goth e punk. Usar calças justas pretas, camisolas justas pretas commensagens emo nelas, do tipo “My heart is bleeding because of her/him”,cintos pretos com tachas e um par velho de All Stars pretas da Converse. Óculos de massa preta não são raros nos rapazes emo. Padrões com riscas e quadrados são populares na cultura emo;
Dizem que é impossível explicar como ser Goth ou em português Gótico. Tornou-se um estilo que sofreu tantos estereótipos ao longo dos últimos...
tracking img