Green building

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 8 (1755 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de maio de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
GREEN BUILDING

Trabalho apresentado à disciplina Gestão Ambiental
do curso de Administração, sob orientação do Professora Marcia

SÃO PAULO/SP
2011

Sumário

1. Introdução 04
2. Construção Civil Sustentável 05
3. Green Builing 06
3. 1 Benefícios Green Builing 06
3. 2 Green Builing no Brasil07
4. Certificado LEED 08
4.1 Tipos de certificação 09
4.2 Níveis de certificação 09
4.3 Vantagens para o sistema ambiental 10
4.4 Vantagens econômicas 10
4.5 Vantagens para a saúde a e comunidade 10
5. Conclusão 11
6. Bibliográfica 12
7. Anexos I 13
Anexos II14

1. Introdução

A Construção Civil é reconhecida como uma das mais importantes atividades para o desenvolvimento econômico e social, mas por outro lado, ainda gera impactos ambientais, seja pelo consumo de recursos naturais, pela modificação da paisagem ou pela geração de resíduos.
Esse setor tem um grande desafio: conciliar uma atividade produtiva, com as condições queconduzam a um desenvolvimento sustentável consciente, menos agressivo ao meio ambiente. Assim, não só os arquitetos, projetistas e engenheiros devem estar familiarizados com o tema e cientes da sua necessidade e aplicabilidade, mas também os consumidores, na medida em que fazem um investimento.

2.Construção Civil Sustentável
Segundo os índices Dow Jones de Sustentabilidade, as empresasque se mostram preocupadas com questões ambientais estão se diferenciando no mercado de ações e se beneficiando por serem conhecidas por suas preocupações ambientais.
Mas para que essa empresa seja sustentável e não gaste tanto dinheiro com uma reforma para isso, o planejamento da construção da sede dessa corporação já deve ser voltado para essa finalidade. Com isso, não só os arquitetos,projetistas e engenheiros ficam familiarizados com o tema e a sua necessidade de aplicabilidade como também o consumidor. Isso significa que, por mais que a construção de um Prédio Verde seja cara, o consumidor que estiver ciente dessas condições, querendo ou não, retornará todo esse grande investimento sustentável na compra de seus produtos e serviços, mesmo que isso leve muito tempo. Mas sabe-seque, por mais que a construção se torne cara, os gastos com ela serão bem menores.
Os prédios que utilizam dessa tecnologia não só deixam de gastar muita energia, pois produzem a energia que consomem como também se tornam favoráveis ao não desperdício de recursos naturais, como a água.
Para se ter uma ideia, em outubro de 2008, foi assinado, em São Paulo, o Protocolo da ConstruçãoCivil Sustentável, que tem por objetivo ser uma cooperação feita pelo Estado, Fiesp e alguns sindicatos e associações de São Paulo, visando a consolidação do conceito de desenvolvimento sustentável na construção civil. Os envolvidos garantiram que, ao aderir ao protocolo, estariam ajudando essas corporações a cumprirem a legislação ambiental referente à construção civil e a introduzirem critériossócio-ambientais em suas atividades, tendo por objetivo diminuir os impactos ambientais. A adesão das empresas ao protocolo é voluntária e as práticas sustentáveis são priorizadas e cinco pontos: projeto e desempenho, insumos, resíduos, desenvolvimento urbano e relacionamento.
O quesito projeto e desempenho visam o uso racional dos recursos naturais na concepção dos empreendimentos,procurando utilizar de iluminação e ventilação natural, assim como utilizar de fontes de energia renováveis, o que garante eficiência energética e um custo muito menor em uma produção, por exemplo. Os insumos devem priorizar a madeira de reflorestamento, por exemplo, e a utilização de produtos de terceiros, como a areia e a brita, de empresas licenciadas. Quanto aos resíduos produzidos na construção...
tracking img