Grandes grupos de seres vivos e a origem das esp[ecies

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 14 (3305 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 11 de dezembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Introdução

Os conceitos de anagénese e cladogenese
Anagênese: representa a progressiva evolução de caracteres que surgem ou se modificam, alterando a frequência genética de uma população. Portanto, uma inovação orgânica, favorável ou desfavorável, selecionada e adaptada ao ambiente. Geralmente se estabelecem por eventos relacionados à mutação e permutação em cromossomos homólogos.Cladogênese: compreende a ramificação filogenética, ocasionando a ruptura na coesão de uma população, que em função de contínuas transformações anatômicas e funcionais, em resposta às condições ambientais, resultam na dicotomia (separação, neste caso em grupos) da população, estabelecendo diferenças capazes de originar clados não compatíveis.

O conceito de espécie biológica
De acordo com o conceitobiológico de espécie, espécies são agrupamentos de populações naturais intercruzantes, reprodutivamente isolados de outros grupos com as mesmas características. Definição proposta por Mayr em 1963. Esse conceito foi apoiado fortemente por vários fundadores, e consiste no conceito de espécie mais aceito entre os zoólogos.
Ernast Mayr, propôs vários conceitos biológico de espécie dos quais incluem ode 1963.
Trata-se de um conceito horizontal de espécie, pois definem as espécies em um dado momento e especifica que indivíduos pertencem a que espécie, naquele instante. Ele não é chamado biológico por tratar de taxa biológica, mas porque a sua definição é biológica. Ele utiliza critérios que não têm sentido quando se trata do mundo inanimado. Antes da definição de espécie proposta por Mayr, osconceitos anteriores de espécies eram baseadas em propriedades que poderiam ser aplicados tanto a objetos inanimados como a seres vivos. O conceito de Mayr era verdadeiramente biológico pois, quando comparado a conceitos anteriores a ele, baseia-se em propriedades que são únicas para os sistemas biológicos, inclui propriedades como a reprodução e cruzamento. Objetos inanimados como rochas eminerais não se reproduzem desta forma, não formam populações ou linhagem, os seres vivos formam.
Os membros de uma espécie, de acordo com esse conceito, constituem em uma comunidade reprodutiva, pois cônjuges potenciais procuram uns aos outros com a finalidade de se reproduzir, constituem em uma unidade ecológica onde os indivíduos que as compõem interagem com indivíduos de outras espécies nas quaisdividem o ambiente em que vivem e uma unidade genética que consiste de um patrimônio gênico em intercomunicação, nas quais um indivíduo é meramente um veículo temporário com uma pequena porção do conteúdo total do patrimônio gênico.

Conceito de subespécie
Subespécies são populações de mesma espécie que diferem entre si quanto a determinadas características.
A formação das subespéciesocorre, geralmente, por um processo denominado irradiação adaptativa. Este consiste no isolamento geográfico de populações de uma mesma espécie, as quais vão se tornando geneticamente diferentes; isso ocorre devido ao acúmulo de mutações novas e à seleção de diferentes combinações novas e à seleção de diferentes combinações gênicas, imposta pelas condições em cada em uma das regiões. Pelo fato deestarem relativamente isoladas, adaptadas a ambientes particulares, as subespécies tendem a manter e a acentuar sua identidade. A formação nas subespécies representa uma etapa de transição na origem de novas espécies.
Processo de especiação
A sistemática moderna admite que, na história evolutiva da vida, as espécies surgem normalmente por diversificação de uma espécie ancestral. Nesse processo,distinguem-se dois tipos de especialização: alopátrica e simpátrica.
A especialização alopátrica é aquela em que novas espécies se formam como resultado da separação geográfica entre as populações de uma espécie ancestral. Uma vez isoladas as populações, os cruzamentos entre seus membros deixam de ocorrer e mutações que aconteçam em uma delas não serão compartilhadas com a outra.
A seleção natural,...
tracking img