Ginastica laboral

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 15 (3724 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 24 de abril de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
INTRODUÇÃO
Sobre a Ginástica Laboral a primeira notícia que se encontra é uma pequena brochura editada na POLÔNIA em 1925, onde foi chamada também de Ginástica de Pausa, era destinada a operários e alguns anos depois surgiu na Holanda e Rússia. No início dos anos 60, surgiu também na Bulgária, Alemanha, Suécia e Bélgica. No Japão na década de 60 ocorreu a consolidação e a obrigatoriedadeda G.L.C. - Ginástica Laboral Compensatória.
No Brasil, o esforço pioneiro residiu numa proposta de exercícios baseados em análises biomecânicas, esta proposta foi estabelecida pela Escola de Educação de FEEVALE no ano de 1973, quando se elaborou o projeto de educação física compensatória e recreação.
O cotidiano do homem moderno, principalmente nos grandes centros urbanos, está cadavez mais direcionado a busca de suas primordiais necessidades, como a sua subsistência, alimentação, transporte, ensino, habitação, saúde e a manutenção do emprego, situações estas causadoras de stress.
O combate ao stress é uma ferramenta de suma importância nas provas técnicas de administração empresarial. Comprovadamente, a melhoria na qualidade de vida, é hoje fator diferencial entre asempresas, na competição por produtividade, qualidade e desempenho comercial.
Entre as formas utilizadas na procura desta melhoria na qualidade de vida, a ginástica laboral tem recebido lugar de destaque em várias corporações industriais e não somente entre as empresas de origem oriental, como era comum até duas décadas atrás.
A ginástica laboral tem ganhado destaque no Brasil nosúltimos tempos, sendo utilizada dentro do conjunto de medidas que tem como objetivo prevenir o aparecimento de lesões musculares e ligamentares ligadas a atividades dentro do ambiente de trabalho, geralmente causadas por esforço, exercícios repetitivos e também por problemas posturais.
Sabendo-se que o homem passa boa parte de sua vida ativa envolvido com o trabalho, é necessário que açõessejam desenvolvidas a fim de diminuir os efeitos causados pelo desempenho inadequado das atividades dentro do trabalho. A ginástica laboral no local de trabalho é fundamental na valorização das práticas físicas, tanto dentro como fora da empresa, visando à melhoria da qualidade de vida do trabalhador.
Em contra-partida, um recente estudo publicado em 2006 pelo Ministério da Saúde, mostra osseguintes números em relação à Ginástica Laboral dentro da empresa:
• Produtividade - aumento de 2 a 5% .
• Acidentes - redução de 20 a 25%.
• Faltas ao serviço - redução de 10 a 15%.
Podemos citar algumas empresas que investem em programas de ginástica laboral e qualidade de vida, como a Bosch do Brasil, Editora Abril, 3M, Grupo Pão de Açúcar, Johnson & Johnson,Electrolux, Xerox do Brasil, entre outras, as quais obtiveram importantes benefícios com os programas.
1. IDENTIFICAÇÃO DO PROGRAMA
Nome: Ginástica Laboral e Qualidade de Vida
Local: Almeida Krüger
Empresa Responsável:
• Zailles – Centro de Reabilitação Esportiva e Postural
R: Álvaro Alvin, 91 (Anexo a Academia Aquacenter)
41 – 3029.4310 –clinicazailles@hotmail.com
Responsáveis:
Guilherme Cordeiro Ribas (Graduado com Licenciatura e Bacharel no curso de Educação Física, no Centro Universitário Positivo- UNICENP, Pós Graduado em Fisiologia do Exercício na UFPR, Ciências Aplicadas ao Futebol na CEPDAP conforme curriculum anexo).
Guilherme Eduardo Hasenauer Zaitter (Graduado no curso de Fisioterapia, na PUCPR, Especialista em Reeducação Postural Global –RPG Método Souchard – Instituto Phillipe Souchard, São Paulo-SP e Curso de Stretching Global Ativo (SGA) no Instituto Phillipe Souchard São Paulo-SP, conforme curriculum anexo).

2. JUSTIFICATIVA
Tendo em vista o considerável número de disfunções posturais, dores nas costas e lesões por esforços repetitivos que acometem os trabalhadores em seu período ativo, o programa “Ginástica Laboral...
tracking img