Giddens

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 20 (4902 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 1 de dezembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
Conduzindo o carro de Jagrená –Anthony Giddens |
Qual a possibilidade de atrelar o carro de Jagrená em um lugar seguro? –minimização e maximização das oportunidades da modernidade |
Mundo descontrolado- Crise do Iluminismo(Razão) – Por que? |
Diagnóstico |
Pressuposto explicativo: existem métodos viáveis de sustentar as reivindicações de conhecimento |
Fator explicativo um | Fatorexplicativo dois | Fator explicativo três | Fator explicativo quatro -Central |
Defeitos de projeto | Falha do operador | Conseqüências involuntárias | Refletividade/circularidade do conhecimento social |
Erro nos sistemas abstratos – | Incapacidade dos sistemas sociais de atingir metas e fornecer serviços | Risco de falha dos seres humanos | As duas anterioresNão há como prever tudo –complexidadedos sistemas de ação(efeitos inesperados) | Não há um meio ambiente estável a partir da circulação do conhecimento novo- projeção para novas direções- afeta a natureza socializada e as instituiçõesNão há controle absoluto da vida social |
Conclusão | “Um dos traços mais característicos da modernidade é a descoberta de que o desenvolvimento do conhecimento não nos permite por si mesmo decidirentre diferentes posições de valor”-pg. 153 |
Alternativas |
Pressuposto: Não devemos e nem podemos desistir de governar o Carro de Jagrená |
Modelos de Realismo Utópico |
Marx – direção geral com um agente revolucionário (Proletariado) em nome de toda a humanidade |
Porem a historia não tem teleologia(Um fim em si mesmo já pré-determinado)-Resistir a noção da dialética do senhor e doescravo – os interesses dos oprimidos não são uniformes | Mantém pressuposto de que as vias para a mudança estão vinculadas as possibilidades imanentes(condições materiais objetivas) – serem objetivadas |
Equilibrar ideiais utópicos com o realismo(teoria geopoliticamente tática- modelos de sociedade boa não limitada pelo Estado – Nação e nem unilateralmente a uma das dimensões da modernidade) |Dois eixos |
Vida e emancipação: A política emancipatória(engajamentos radicais para a liberação das desigualdades) tem que estar ligada a política vida(engajamentos radicais que procuram incrementar as possibilidades de uma vida realizada e satisfatória para todos - política de auto-realização- auto-identidade) | Global e Local: O que esta em questão é o entrelaçamento de distancia eproximidade, de mecanismos de globalização pessoais e em grande escala- o centro é a coordenação individual do beneficio – x a organização planetáriaAs conexões globais são a própria condição das formas de auto-realização individual |
O papel dos movimentos sociais |
Como forma de engajamento radical os MS fornecem pautas para futuras transformações (liberdade de expressão/movimentos democráticos xmovimentos ecológicos e movimentos trabalhistas x movimentos pacififistas) |
Movimento trabalhista(Industrialismo/capitalismo)-Unilateral(origem a atuação na ordem econômica)-no inicio eram veículos de apelo a liberdade e aos direitos democráticos(porem vai se separando da arena de vigilância do Estado Moderno) | Outras Formas: Movimento pacifista(arena do controle dos meios de violência.Paz=democraciaMovimentos ecológicos: estão na área de luta do ambiente criado(riscos de alta -conseqüência) |
Conclusão 1: M.S são pelo realismo utópico é a única base de mudança que pode conduzir a um mundo mais seguro e mais humano | Conclusão 2: “A solidariedade para com as aflições dos oprimidos é integral a todas as formas de política emancipatória, mas alcançar as metas envolvidas depende comfreqüência da intervenção da influencia dos privilegiados”- uso coordenado do poder |
Pós-Modernidade |
Um sistema pós -moderno esta para além da modernidade e modifica (além do capitalismo) –Participação democrática x humanização da tecnologia e sistema de pós-escassez x desmilitarização |
1)Sistema pós – escassez coordenado mundialmente – sair do dilema controle x sem controle – agora os bens...
tracking img