Gestao de pessoas

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 9 (2041 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 18 de novembro de 2012
Ler documento completo
Amostra do texto
Gestão de Pessoas

O termo RH ou Gestão de Pessoas pode assumir três significados diferentes:
1 – RH como função ou departamento. Aqui RH é a unidade operacional que funciona como órgão se staff, isto é, como elemento prestado de serviços nas áreas de recrutamento, seleção, treinamento, remuneração, comunicação, higiene e segurança do trabalho, benefícios etc.
2 – RH comoconjunto de práticas de recursos humanos. Aqui RH refere-se ao modo como a organização opera suas atividades de recrutamento, seleção, treinamento, remuneração, benefícios, comunicação, higiene e segurança do trabalho.
3 – RH como profissão. Aqui RH refere-se aos profissionais que trabalham em tempo integral em papeis diretamente relacionados com recursos humanos, a saber: selecionadores treinadores,administradores, de salários benefícios, engenheiros de segurança, médicos do trabalho etc.

Relações entre pessoas e organizações

A busca do desenvolvimento mútuo e continuado entre organizações e pessoas é, sem dúvida um dos aspectos mais importantes da moderna Gestão de Pessoas. A legitimidade da área esta fortemente vinculada a sua capacidade de desenvolver pessoas – aúnica forma de ultrapassar os obstáculos que se colocam para o futuro das organizações e torná-las permanentemente atualizadas e viáveis. Mas os processos de capacitação e desenvolvimento das pessoas envolvem questões complexas com preparação de lideranças introdução do coaching e mentoring, educação corporativa continuada, gestão do conhecimento, aquisição de novos talentos e do aprendizadoorganizacional.
O treinamento é um esforço de melhoria individual. Como tal, ele é indispensável, mas insuficiente para as necessidades organizacionais de um esforço mais amplo e compreensivo de mudança e de mudanças e de melhoria organizacional. E por quê? Simplesmente porque estávamos em uma era de instabilidade e de mudanças que requerem pessoas e organizações dinâmicas, flexíveis,mutáveis e inovadoras. Os novos tempos exigem uma nova organizações e uma nova postura das pessoas.
Chiavenato (1999:15) afirma que as organizações são constituídas por pessoas e representam para elas um meio pelo qual podem alcançar muitos e variados esforço e de conflito. Diz, ainda, que as organizações bem-sucedidas tendem a crescer, aumentando nelas o número de pessoas a seremadministradas e, conseqüentemente, a estrutura deve adequar-se a um maior volume de níveis hierárquicos, responsáveis pelo gradativo distanciamento entre pessoas, com os seus objetivos pessoais, até a cúpula da organização – com seus objetivos organizacionais.
Toda e qualquer organização tem um conjunto de objetivos: sobreviver a longo prazo; ter um crescimento sustentado, isto é, quenão dependa de outras empresas; ter lucros; ter produtividade, ou seja, produzir pelo menos com a mesma eficiência das empresas concorrentes; ter qualidade nos produtos/serviços; ter custos reduzidos; ter uma boa participação no mercado (market-share); entrar em novos mercados; conquistar novos clientes; ser competitiva, isto é, ter a preferência dos clientes e ter uma boa imagem no mercado.Já as pessoas que trabalham nas organizações, de forma geral possuem em outro conjunto de objetivos: ter bons salários e benefícios; ter estabilidade no emprego e segurança no trabalho; ter consideração e respeito tanto dos colegas quanto dos superiores; ter oportunidades de crescer dentro da empresa; ter liberdade para trabalhar e ter líderes ou chefes que não sejam autoritários.Como se pode ver, os objetivos da organização diferem dos objetivos pessoais. Para que tais objetivos não se tornem conflituosos a ponto de prejudicar o desenvolvimento de ambas as partes (pessoas e organização), é necessário que as pessoas, que haja uma integração de tais objetivos pessoais, isto é, é necessário que as pessoas, em busca dos seus objetivos pessoais, acabem por...
tracking img