Gestão de custos com terceirização

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 29 (7061 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 23 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
CURSO Ciências Contábeis
ANDERSON NUNES DE SOUSA
MARCELO PINHEIRO BRAGA
DÉBORA ANTERO
JHONY MELO DO NASCIMENTO

GESTÃO DE CUSTOS COM TERCEIRIZAÇÃO

FORTALEZA
2011
CURSO Ciências Contábeis
ANDERSON NUNES DE SOUSA
MARCELO PINHEIRO BRAGA
DÉBORA ANTERO DE OLIVEIRA
JHONY MELO DO NASCIMENTO

GESTÃO DE CUSTOS COM TERCEIRIZAÇÃO

FORTALEZA
2011
SUMÁRIO

1. CUSTOS
1. O quesão custos
2. As etapas do ABC
1. Mapeamento de atividades
2. Distribuição dos custos as atividades
3. Distribuição dos custos das atividades indiretas até as diretas
4. Distribuição dos custos dos produtos
3. Entendimentos sobre o ABC
2. GESTÃO DE CUSTOS
1. O que é gestão de Custos?
2. Objetivo
3. Definições
3. TERÇEIRIZAÇÃO
1. Oque é terceirização
2. 0História da terceirização
3. Modalidades de terceirização
4. A terceirização ou outsourcing
5. Quando e como terceirizar
6. Riscos
7. Des, envolver x Terceirizar
4. BIBLIOGRAFIA
5. ANEXO

INTRODUÇÃO

O Objetivo do presente estudo é ressaltar os principais aspectos da gestão de custos com ênfasena terceirização de serviços e mão-de-obra, evidenciando as prováveis vantagens e desvantagens para a gestão empresarial. Em meios ao estudo procuramos deixar claro que o conhecimento de custos e a utilização das ferramentas do mesmo irão ser cruciais na decisão de terceirizar um serviço.

1. CUSTOS
1. O que são Custos?

Custo é um sacrifício financeiro (de um ativo) que teve deser arcado para poder gerar bens ou serviços (outro ativo).

A contabilidade gerencial utiliza os custos para efetuar relatórios que serão utilizados e analisados pelos gestores. Mais para se efetuar estes relatórios, antes eles devem ser apurados (na contabilidade de custos) e quanto a este método de apuração podemos apontar alguns destes custos, como:

• Custos fixos, seuvalor total não sofre alterações apesar da variação da quantidade de bens ou serviços produzidos, porém seu valor unitário muda de forma inversamente proporcional à quantidade produzida.

• Custos variáveis, è justamente o oposto do custo fixo, já que seu valor total sofre alterações diretas a quantidade produzida e seu valor unitário permanece o mesmo.

• Custos diretos possuemcerta parte definida e atribuída á cada unidade.

• Custos indiretos, também conhecidos como CIF (Custo indiretos de fabricação), são todos os outros custo que precisam de um critério de rateio para ser ligados a produção.

• Custos comuns tiveram origem em mais de um setor ou processo de produção, não podendo ser especificado o valor da parcela determinada para cada setor ouprocesso.

• Custos estimados têm como função solucionar problemas na área de controle e planejamento ou casos especiais.

• Custos históricos são registrados contabilmente representando o princípio fundamental da contabilidade, como base de valor.

• Custos primários, é a soma dos custos de mão de obra direta e matéria prima.

• Custo de conversão é todo o custoapurado após o processo produtivo (soma da mão de obra direta com os custos indiretos), que representa a transformação da matéria prima em produto acabado.

• Custo oportunidade é o custo de quando se opta por determinada investimento ao invés de outro, ou seja, é o valor do que se deixou de receber no processo de decisão após a escolha de uma alternativa rejeitada.

E para sabermosos valores que devem ser atribuídos a estes custos ao final de cada processo usamos o método de custeio (significa forma de apropriação de custos), dentre eles os mais conhecidos:

• Custeio por absorção: é a apropriação de todo custo utilizado no processo de produção, sejam eles direto, indiretos, fixos e variáveis.

• Custeio variável: só se é apropriado ao estoque os...
tracking img