Gerenciamento de riscos

Páginas: 15 (3506 palavras) Publicado: 26 de outubro de 2012
PGR Plano de Gerenciamento de Riscos

Rede de Distribuição de Gás Natural no Estado do Rio Grande do Sul

PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos

1-17

Rev. 0

FOLHA DE CONTROLE DE REVISÃO
TÍTULO: Área Responsável: QSMS REV. 0 DATA 28set06 APROVAÇÃO OTERO ITENS REVISADOS

PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos

2-17

Rev. 0

FOLHA DE CONTROLE DE DISTRIBUIÇÃO
Nº. DA CÓPIA 0102 03 04 05 06 07 08 09 10 11 12 13 14 15 16 ÓRGÃO FEPAM SMAM CORPO DE BOMBEIROS REVISÃO RECEBIDO POR ASS. DATA

PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos

3-17

Rev. 0

SUMÁRIO
1. 2. 3. 4. 5. 6. 7. 8. 9. Objetivo Introdução Definições Abrangência Descrição Sumária da Rede de Distribuição de Gás Sistema de Segurança Áreas Operacionais Matrizes de Rotina Para Ações de Gerenciamento de RiscosGerenciamento do Plano

PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos

4-17

Rev. 0

Este Plano tem por objetivo, fixar as linhas de ações gerenciais, que irão permitir a redução da freqüência e/ou conseqüência dos cenários acidentais identificados pela Análise de Risco da rede de distribuição da Sulgás.

1 – OBJETIVO

PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos

5-17

Rev. 0

2 –INTRODUÇÃO
O gás natural provém de poços à semelhança do petróleo, podendo aparecer associado ou não a este. Trata-se de uma mistura de hidrocarbonetos, principalmente metano e secundariamente etano, que, após passar por um processo de retirada dos compostos mais pesados, é disponibilizado para o consumo final. Bem menos agressivo ao Meio Ambiente que a maioria das fontes de energia utilizadasnormalmente, pode substituir com ganhos também de eficiência e segurança: o óleo diesel, gasolina, o óleo combustível, o gás liquefeito de petróleo, a lenha, o carvão e a eletricidade. Devido à baixíssima presença de contaminantes, a combustão do gás natural é mais limpa se comparada com outros combustíveis utilizados. A combustão completa do gás natural produz apenas água e gás carbônico, sem formação deoutras partículas, não necessitando tratar os gases da combustão. Em áreas densamente povoadas, com alto consumo energético, a não emissão de partículas contribui de forma significativa para a melhoria da qualidade do ambiente e da qualidade de vida da população. O gás natural é um gás muito leve, estando sua densidade na ordem de 0,56 a 0,65 em relação à densidade do ar. Esta característicafavorece a sua dispersão, não ocorrendo sua acumulação no nível do solo no caso de um vazamento para a atmosfera. O gás natural não apresenta riscos toxicológicos, sendo classificado como um asfixiante simples e mostra baixa possibilidade de formação de misturas inflamáveis. A descoberta de reservas de porte, tanto no Brasil como nos países vizinhos, que viabilizem o transporte em grandes volumes daszonas produtoras para os locais de consumo faz com que o consumo do gás natural esteja em plena expansão. A ampliação da produção interna e a descoberta crescente de novas jazidas, garantem o futuro mercado do gás natural no Brasil, expandindo a utilização do gás natural como combustível e na utilização do mesmo para a geração de energia elétrica. O gás natural, em seu estado natural, é inodoro eincolor. Para sua utilização, por motivos de segurança, torna-se necessária sua odorização, ou seja, a adição de um odorante. No Brasil, é utilizada uma mistura de mercaptanas, que possui um cheiro forte e característico, bastante conhecido pela população. Assim, em caso de vazamento, o gás natural pode ser percebido facilmente pelas pessoas, o que aumenta a segurança em sua utilização. O Sistema deDistribuição de Gás Natural do Estado do Rio Grande do Sul é abastecido por dois Gasodutos de Transporte, o Boliviano e o Argentino. 2 O gás é transportado via gasodutos, a pressões acima de 24 kgf/cm , pela empresas Transportadoras de Gás Natural, TBG (Gás Boliviano) e TSB (Gás Argentino), até as chamadas Estações de Entrega (City - Gates), que são os locais onde o mesmo é entregue às...
Ler documento completo

Por favor, assinar para o acesso.

Estes textos também podem ser interessantes

  • gERENCIAMENTO DE RISCOS
  • gerenciamento de risco
  • Gerenciamento de riscos
  • Gerenciamento de Riscos
  • Gerenciamento de riscos
  • Gerenciamento de risco
  • Gerenciamento de risco
  • Gerenciamento de risco

Seja um membro do Trabalhos Feitos

CADASTRE-SE AGORA!