Gerenciamento de projetos e os eventos esportivos

Disponível somente no TrabalhosFeitos
  • Páginas : 32 (7797 palavras )
  • Download(s) : 0
  • Publicado : 25 de novembro de 2011
Ler documento completo
Amostra do texto
SUMÁRIO Página

LISTA DE QUADROS v
LISTA DE FIGURAS vi
Resumo vii
1 INTRODUÇÃO 1
2 GERENCIAMENTO DE PROJETOS 3
2.1. Ciclo de Vida 5
2.2. Áreas de Conhecimento 7
3. EVENTOS ESPORTIVOS 10
4. A CONVERGÊNCIA ENTRE O GERENCIAMENTO DE
PROJETOS E OS EVENTOS ESPORTIVOS 14

4.1. Benefícios 16
4.2. Diferenças17
5. CONSIDERAÇÕES FINAIS 19
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS 20

LISTA DE QUADROS Página

QUADRO1 - Divisão de eventos esportivos em função de sua
capacidade de geração de impacto econômico 13

QUADRO2 - Comparação do Gerenciamento de Projeto entre
diferentes indústrias 18

LISTA DE FIGURAS Página
X
FIGURA 1 - Ciclo de vida do Projeto 6FIGURA 2 - Relação esforço X tempo durante o ciclo de vida do projeto 7

RESUMO
O GERENCIAMENTO DE PROJETOS EM EVENTOS ESPORTIVOS

Os eventos de maneira geral, com especial atenção aos esportivos, se tornaram ferramentas valiosíssimas de comunicação, de relacionamento e de desenvolvimento social e econômico. Isso fez com que o tamanho, o alcance e os resultados desses eventos ficassem cadavez maiores, e continuam crescendo, gerando impactos sócio-econômicos e ambientais de extrema relevância para a sociedade. Estes fatos, unidos às características inerentes à atividade de organizar um evento tais como, o envolvimento de múltiplos interessados, a duríssima rigidez dos prazos, mas principalmente a imaturidade da indústria de eventos e o amadorismo da ampla maioria dos profissionaisdo setor, desencadearam um movimento da indústria na direção de processos e metodologias de gerenciamento de projetos, previamente estabelecidos, capazes de subsidiar sua profissionalização. Este trabalho tem como objetivo revisar a literatura a fim de analisar o gerenciamento de projetos tradicional e apontar as possibilidades e os possíveis benefícios da interação entre suas metodologias e aorganização de eventos esportivos.
1
1. INTRODUÇÃO
A proposta para o desenvolvimento deste trabalho foi construída ao longo do tempo. Após alguns anos observando e atuando na indústria de organização de eventos em São Paulo, constatei o seguinte: baixa qualidade do produto entregue, altas somas de recursos financeiros envolvidos na produção, no entanto com pouco ou nenhum controle, baixa qualidadeda mão de obra empregada no processo e diferenças entre estratégias de organização do evento conforme o gestor responsável.
Segundo O’Toole (2005) a ocorrência dessas características representa um forte indício de imaturidade da indústria, culminando em pouco ou nenhum processo metodológico para suporte à tomada de decisão, tanto dos gestores quanto dos patrocinadores do evento. Essas e outrascaracterísticas do cotidiano profissional da recém reconhecida indústria de eventos ilustram o cenário de completa desorientação e total ausência de cultura organizacional.
Esses dados ganham contornos de crise quando aventados sob a análise do cenário atual em que se encontra a indústria de eventos no Brasil, país recentemente escolhido como sede consecutiva dos dois maiores eventos esportivos domundo, a Copa do Mundo FIFA de 2014 e os Jogos Olímpicos de Verão de 2016. Segundo o Ministério do Turismo, o Brasil saltou da 19ª posição em 2003 para a 7ª posição em 2006 entre os destinos que mais recebem eventos no mundo – mantendo-se líder na América Latina e em segundo lugar nas Américas, segundo o Ranking da International Congress & Convention Association (ICCA) (MINISTÉRIO DO TURISMO,2007).
Infelizmente, dados mais específicos sobre a indústria de eventos no país não estão disponíveis, seja pelo não registro desses dados por parte das agências ou instituições promotoras e organizadoras de eventos, seja pela irrisória produção acadêmica desenvolvida na área, altamente prejudicada pela ausência de registros sólidos e estruturados; outros fortes indícios de imaturidade da...
tracking img